ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, SÁBADO  15    CAMPO GRANDE 22º

Capital

Friozinho de 15ºC já desagrada campo-grandense que prefere "meio-termo"

Mesmo após onda de calor e outono com temperaturas acima da média, alguns ficam descontentes

Por Cassia Modena e Antonio Bispo | 14/05/2024 07:45
Em ponto de ônibus da Rua 14 de Julho: de sete passageiros, três arriscam deixar as pernas "de fora" na manhã de 17ºC (Foto:
Em ponto de ônibus da Rua 14 de Julho: de sete passageiros, três arriscam deixar as pernas "de fora" na manhã de 17ºC (Foto:

Os 15ºC que esta manhã (14) registra em Campo Grande, após ondas de calor de um outono que será de temperaturas acima da média segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), já deixam descontentes os campo-grandenses que preferem o tempo quente.

Derick Henrique Arantes, 18, é vendedor em loja do Centro da Capital e reclama do "friozinho" que teve que enfrentar ao sair de casa, mesmo nem se comparando aos dias gelados que o inverno traz à Capital.

Agasalhado, o trabalhador disse que não acreditou na frente fria que "ouviu falar por aí". Falou que gosta de um "meio-termo" nas temperaturas: "nem muito quente, nem muito gelado".

Derick preferiria tempo "nem muito quente, nem muito frio", caso pudesse escolher (Foto: Henrique Kawaminami)
Derick preferiria tempo "nem muito quente, nem muito frio", caso pudesse escolher (Foto: Henrique Kawaminami)

Já Maria Fernanda Castilho, 32, escolheu no guarda-roupa um casaco que dá conta de um declínio até maior nas temperaturas, caso houver. Ela está com medo de ficar desprevinida se esfriar mais.

"Desse jeito que está, ainda dá para aguentar. Espero que não piore", afirma. Maria é outra que não dá as boas-vindas ao frio.

Vitor Rafael, 18, é vendedor no camelódromo e acha que o tempo fresco ajuda nos resultados. "As vendas são melhores", afirma. Porém, particularmente, ele é mais um campo-grandense que não gosta. "Eu até estava preparado para a frente fria, mas prefiro calor", fala.

Vai cair mais - O Inmet emitiu alerta de declínio de temperatura para Mato Grosso do Sul, apontando possível queda de 5ºC em relação aos últimos dias. Ela é causada pelo avanço de uma massa polar vinda da Argentina.

Em manhã um pouco mais gelada, agasalhos finos são a escolha da maioria (Foto: Henrique Kawaminami)
Em manhã um pouco mais gelada, agasalhos finos são a escolha da maioria (Foto: Henrique Kawaminami)

A previsão é que amanhã (15) as mínimas caiam 2ºC em Campo Grande, segundo a meteorologia.

Na quinta-feira (16) e na sexta-feira (17), no entanto, já pode começar a esquentar. As mínimas previstas para as datas são de 19ºC e 21ºC, respectivamente.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias