A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

30/01/2015 17:26

Golpista do Minha Casa, Minha Vida pode ter feito mais vítimas

Ricardo Campos Jr.

A Polícia Civil acredita que o suspeito de cobrar entre R$ 6 mil e R$ 7,5 mil por casas do programa Minha Casa, Minha Vida possa ter feito outras vítimas e continua investigando o caso. A identificação dele, segundo a delegada responsável pelo caso na 4ª DP, Célia Bezerra da Silva, ainda não está totalmente confirmada e o homem continua solto.

Conforme o delegado Paulo Sá, da 7º DP, uma das vítimas disse que o estelionatário havia se identificado como Cícero Vicente Lescano de Oliveira. Ele ainda não foi encontrado, segundo Célia, porque tem grande facilidade em conseguir documentos falsos.

A polícia convocou coletiva na próxima segunda-feira (2) para repassar mais informações sobre o caso. O suspeito vendia vagas na lista de espera e assegurava que as pessoas iriam ganhar a residência e aliciou pessoas para ajudar no crime. Já se sabe que 18 campo-grandenses caíram no golpe.

Somente na delegacia das Moreninhas foram registrados sete casos. Conforme a delegada, as casas eram vendidas por R$ 7,5 mil. As pessoas tinham que dar uma entrada de R$ 4 mil e depois, na entrega das chaves, R$ 3,5 mil, ainda aliciava terceiros para ajudar na venda das residências.

O delegado da 7ª DP revelou que o esquema foi descoberto, após uma das vítimas assistir uma reportagem no Youtube, onde Cícero aparecia como autor de várias estelionatos em Cuiabá (MT), onde deu 17 golpes.

Os casos, por enquanto, serão investigados pelas duas delegacias e pode também ser apurado por alguma delegacia de Cuiabá, já que o dinheiro era depositado em uma conta na cidade.

Emha nega interferência de golpistas na fila da casa própria na Capital
A Emha (Agência Municipal de Habitação) negou interferência dos golpistas para “furar”a fila do programa Minha Casa, Minha Vida em Campo Grande. A Po...
Golpista cobrou até R$ 7,5 mil por vaga na fila do Minha Casa, Minha Vida
O mato-grossense Cícero Vicente Lescano de Oliveira, 35 anos, é suspeito cobrar, entre R$ 6 mil e R$ 7,5 mil, por casas do programa Minha Casa, Minha...
Mulher é atropelada pelo ex-marido e está em estado grave na Santa Casa
Uma mulher de 33 anos foi atropelada pelo ex-marido e está internada em estado grave na Santa Casa de Campo Grande, sedada e entubada na CTI (Centro ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions