A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Junho de 2019

18/01/2017 16:58

Governo e prefeitura oficializam amanhã R$ 50 milhões para tapa-buracos

Paulo Nonato de Souza

Os serviços de tapa-buracos nas ruas e avenidas de Campo Grande, incluindo projetos de revitalização e manutenção, vão receber investimentos de R$ 50 milhões. É o que prevê o convênio que será assinado pela governadora em exercício, Rose Modesto, e o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, nesta quinta-feira, às 8h30, no auditório da Governadoria, no Parque dos Poderes.

Pelo que estabelece o convênio, governo e prefeitura vão investir R$ 25 milhões cada em duas etapas. Na etapa de tapa-buracos, considerada emergencial, serão liberados R$ 20 milhões (R$ 10 milhões cada).

A segunda etapa terá R$ 30 milhões para os serviços de revitalização e manutenção de ruas e avenidas de Campo Grande. Em nota, o Governo do Estado anunciou que utilizará recursos do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento Rodoviário de Mato Grosso do Sul) em sua participação no convênio com a prefeitura.

Nesta quarta-feira, o prefeito Marquinhos Trad vistoriou obra da operação tapa-buraco na rua Levinda Ferreira, entre a 15 de Novembro e Fernando Correa da Costa.

Segundo o prefeito, desde que assumiu a prefeitura no dia 02 deste mês já foram tapados cerca de 15 mil buracos nas ruas de Campo Grande. “Mas ainda há muito trabalho pela frente”, declarou.

O ideal, disse Marquinhos Trad, seria fazer o recapeamento, por ser uma solução definitiva, mas no momento isso não é possível.

“Correto era fazer o recapeamento, mas um recapeamento é uma licitação de seis meses. Seis meses! Como vou deixar seis meses essa rua do jeito que está? Não tem jeito! Tem gente caindo aqui”, frisou, enquanto vistoriava o trecho da rua Levinda Ferreira onde haviam 40 buracos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions