A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

25/11/2015 10:55

Grupo de travestis é suspeito de ter matado outra a facadas na Capital

Luana Rodrigues

O homem assassinado com 15 facadas na madrugada de hoje(25), na Rua Ucy Nagamine esquina com Euvira Matos de Oliveira, é na verdade uma travesti. A Polícia Civil ainda trabalha para identificar a vítima, mas as informações são de que ela era conhecida como Penélope.

Segundo a polícia, há indícios de que a vítima tenha sido morta por um grupo de travestis, que fazem ponto naquele local. "Há um forte indício, mas ainda não é possível afirmar, pois não há nenhum elemento que comprove", explicou o delegado Hoffman D'ávila que esteve no local do crime.

Conforme boletim de ocorrência, a vítima foi ferida na Rua Elvira Matos de Oliveira, onde foi localizada uma faca de serra, um chinelo e fone de ouvido, mas caiu na Rua Ucy Nagamine. A travesti foi atingido no tórax, nas costas, perna e nuca.

Um pouco antes do crime, testemunhas a avistaram na garupa de uma motocicleta, mas não souberam dizer mais nada.

"Vamos apurar as circunstâncias do crime, se há testemunhas, câmeras de segurança e assim chegar até a identificação do autor ou autores", explicou a delegada Célia Maria, da 4ª delegacia de Polícia Civil, que é responsável pelo caso.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions