A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

02/10/2015 08:33

Guarda municipal é suspeito de matar jovem de 23 anos com três tiros

Viviane Oliveira e Luana Rodrigues

Jovem de 23 anos foi assassinado com três tiros no pescoço por volta das 22h45 de ontem (2), na Rua Expedicionário Alcino Jardim Chagas, no Jardim Aero Rancho em Campo Grande. Felipe Cardoso da Silva morreu no local. Próximo ao pé esquerdo da vítima foi localizada uma cápsula de pistola 480. Os suspeitos de participação no homicídio são os guardas municipais Emerson Pecorari da Silva, 32 anos, e Fábio Augusto Souza. 

Conforme a Polícia Civil, durante levantamento no local de crime, a Polícia Militar conseguiu prender dois guardas municipais na região, que são acusados de envolvimento no caso. Um deles, Emerson, estava trabalhando e Fábio, de folga. 

Porém, uma equipe de reportagem que também estava no bairro fazendo a cobertura do homicídio foi surpreendida quando uma pessoa jogou bilhete no veículo dizendo “foi a polícia que matou o Felipe”. O papel foi entregue ao delegado plantonista. Uma pistola Tauros 380 foi apreendida pelos investigadores. 

A Guarda Municipal informou que vai se pronunciar depois de apurar o que aconteceu. O caso foi registrado como homicídio simples na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga.



Esses guardinhas municipais se acham a "autoridade". Pessoas completamente despreparadas que, ao se verem portando uma arma, estão se sentindo os donos do pedaço. Fazem o que querem, mandam e desmandam. Se vão dar poderes de polícias pra esses indivíduos, deveriam prepará-los antes, com uma academia preparatória e uma avaliação psicológica, onde, com certeza, pelo menos 60% dos candidatos seriam eliminados.
 
Mariana Carvalho em 02/10/2015 14:53:23
Onde estão nesse momento os defensores da Guarda Municipal? E ainda existe projeto para que esses elementos usem armas em serviço, imagina as chacinas que irão acontecer? A maior parte desses 'seres' são despreparados e acham que podem agir como policiais e não tem o mínimo de educação. Não vejo serventia nos serviços oferecidos por esses GUARDAS. E não venham me dizer que esses marginais não representam toda a categoria.
 
Ju em 02/10/2015 11:48:55
A GCM é mais um entulho criado na nossa cidade.
Mais um órgão que serve para oprimir a população.
Não tem utilidade para a população e só aparece metida em confusão.
Agem muito mais como bandido do que como servidor público.
Pra cuidar da segurança, bastava a PM.
Pra cuidar do patrimônio, era só contratar segurança privada.
 
Critico em 02/10/2015 09:22:26
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions