ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, TERÇA  18    CAMPO GRANDE 21º

Capital

Há pouco tempo em mercado, funcionário morto era pouco conhecido por colegas

Fábio Alves da Silva, 43 anos, foi assassinado a tiros na entrada de supermercado no Jardim Tijuca

Por Dayene Paz e Antonio Bispo | 20/10/2023 11:05
Viaturas da Perícia e Guarda no local do crime. (Foto: Juliano Almeida)
Viaturas da Perícia e Guarda no local do crime. (Foto: Juliano Almeida)

Trabalhando há poucos dias no Supermercado Comper, do Jardim Tijuca, região sul da Capital, Fábio Alves da Silva, de 43 anos, era pouco conhecido pelos próprios colegas de trabalho.

Fábio cumpria pena no regime semiaberto e fazia parte de um projeto social de reeducandos. Ele estava trabalhando no supermercado há cerca de 15 dias.

Nesta manhã, o supermercado abriu normalmente, mas os funcionários estavam assustados. “A gente ainda está meio sem acreditar no que aconteceu aqui com esse tanto de câmera. Mas quase ninguém conhecia ele [Fábio], porque era novo no mercado”, disse um funcionário que topou falar com a reportagem, mas que pediu para não ter o nome divulgado por medo.

A Polícia Civil coletou 19 cápsulas deflagradas de uma pistola 9 milímetros. Os tiros atingiram a cabeça, ombros e braços da vítima. A dinâmica da morte ainda é desconhecida. Testemunhas afirmam que Fábio estava na rede de supermercados quando foi abordado por um indivíduo ainda não identificado. Sozinho e pilotando uma motocicleta Yamaha Lander preta, o suspeito chegou ao local atirando.

Familiares de Fábio contaram que dias atrás ele havia recebido ameaças, contudo, não sabem o teor e quem as fez.

*Matéria alterada às 12h30 para correção de informações

Receba as principais notícias do Estado pelo celular. Clique aqui para entrar no canal do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias