ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, QUINTA  18    CAMPO GRANDE 23º

Capital

Homem é morto a tiros, mulher some e polícia procura por dupla

Quatro equipes da Polícia Militar estão procurando por suspeitos no bairro

Aletheya Alves e Dayene Paz | 25/08/2021 13:27
Jeferson Souza Pereira, de 34 anos, morreu após ser baleado no Jardim Campo Belo. (Foto: Paulo Francis)
Jeferson Souza Pereira, de 34 anos, morreu após ser baleado no Jardim Campo Belo. (Foto: Paulo Francis)

Homem identificado como Jeferson Souza Pereira, de 34 anos, morreu nesta quarta-feira (25), após ser baleado na Rua Rua Salinas, Jardim Campo Belo. Conforme informações da PM (Polícia Militar), equipes estão em busca de dois suspeitos.

Após Jeferson ser atingido por disparos de arma de fogo, equipe do CBM (Corpo de Bombeiros Militar) foi até o local, mas o homem não resistiu. De acordo com a Polícia Militar, o rapaz havia almoçado na casa da mãe e, após uma discussão com a esposa, os dois saíram do local com o carro de um amigo do rapaz.

Veículo em que Jeferson estava também foi atingido por disparos. (Foto: Paulo Francis)
Veículo em que Jeferson estava também foi atingido por disparos. (Foto: Paulo Francis)

Mãe de Jeferson, Aparecida Ferreira de Souza, de 56 anos, contou que o filho e a nora começaram a discutir em frente a sua casa por ciúmes. Em determinado momento, a mulher teria colocado a chave de casa na calcinha, quando Jeferson tentou retirar o objeto e outras duas pessoas se envolveram na discussão.

Ainda conforme Aparecida, Jeferson saiu do local com a esposa em alta velocidade e pouco tempo depois, ela ouviu os tiros. Sem detalhes específicos da dinâmica, o homem teria saído do carro para fugir e sido atingido, a cerca de 100 metros do veículo, por duas pessoas em uma motocicleta.

Durante esse período, a mãe relata que não viu mais a nora, que teria saído com Jeferson dentro do carro, mas não permaneceu no local. Conforme o CBM, Jeferson foi atingido com quatro tiros no abdômen e tórax, além de um tiro em cada braço.

Nos siga no Google Notícias