A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

03/01/2016 16:48

Homem esquece panela no fogo e incendeia barraco no Jardim Aeroporto

Mariana Rodrigues e Marcos Ermínio
Um dos cômodos ficou totalmente destruído. (Fotos: Marcos Ermínio)Um dos cômodos ficou totalmente destruído. (Fotos: Marcos Ermínio)

Um incêndio atingiu um barraco de três peças na Rua Urquiza, esquina com a Avenida Pôr do Sol, no bairro Jardim Aeroporto, em Campo Grande. O motivo do incêndio seria uma panela esquecida no fogo, pelo morador, um homem que trabalha com reciclagem e não estava no local no momento em que o fogo começou.

Segundo informações do guarda municipal aposentado, Ramão Quevedo, 63 anos, ele estava dormindo quando sua esposa, que estava na varanda ouviu barulhos na telha e notou que estava pegando fogo no barraco que é vizinho de sua residência. "Ela me acordou e chamou o bombeiros, enquanto eles não vinham, peguei uma mangueira para tentar conter as chamas que chegaram há uns cinco metros de altura", disse.

De acordo com os vizinhos, o terreno tem bastante entulho e está tomado pelo mato. O local, antes era um terreno baldio e há algum tempo foi invadido pelo homem que trabalha com materiais recicláveis que no momento do incêndio havia sumido e não foi encontrado pelos moradores. "O rapaz que mora qui ajunta bastante garrafas pet é perigoso e um descaso".

Segundo informações do tenente Wilson de Freitas, existiam muitos elementos que alimentava o fogo, como plásticos, borrachas e garrafas pet. Os bombeiros afirmaram que o incêndio começou devido uma panela esquecida no fogo, mas que poderia ter sido causado pela fiação elétrica que é clandestina. "Isso poderia se propagar de uma forma maior e o incêndio poderia ter sido causado ainda por um curto circuito", diz.

Das três peças, apenas uma foi totalmente tomada pelas chamas. Durante o incêndio os bombeiros desligaram a fiação. Eles gastaram 2 mil e 500 litros de água para conter o incêndio e foram deslocadas uma unidade UR (Unidade de Resgate), um caminhão alto bomba tanque, MOB (Motos Operacionais de Bombeiros).

Momento em que os bombeiros cortam a fiação. (Foto: Marcos Ermínio)Momento em que os bombeiros cortam a fiação. (Foto: Marcos Ermínio)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions