A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

22/05/2018 06:34

Homem que matou mulher com quatro tiros vai a júri popular nesta terça-feira

Crime aconteceu há quase 3 anos na noite do dia dia 24 de setembro de 2015 no Jardim Sayonara, em Campo Grande

Viviane Oliveira
Valmir na época em que foi apresentado na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Foto: arquivo/Campo Grande News) Valmir na época em que foi apresentado na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Foto: arquivo/Campo Grande News)

Vai a júri popular nesta terça-feira (22) Valdemir Almeida de Araújo, acusado de matar a mulher de 40 anos a tiros, na noite do dia dia 24 de setembro de 2015, na Rua Lerverno de Queiroz, no Jardim Sayonara, em Campo Grande. O réu também será submetido a julgamento pelo crime de porte ilegal de arma de fogo.

Segundo o Ministério Público, o réu e Isabel de Oliveira Almeida moravam juntos por aproximadamente nove anos tendo duas filhas em comum. Isabel tinha, ainda, três filhas de outro relacionamento. No dia do crime, a vítima consumia bebida alcoólica em um local próximo a casa, na companhia de amigos e das três filhas, quando o acusado apareceu, pedindo-lhe que fosse embora, porém a vítima se negou.

Logo em seguida, Isabel optou voltar para a casa e, passado alguns minutos, o acusado retornou, dando início a uma discussão, que terminou com os disparos de arma de fogo. Uma das filhas de Isabel gritou por socorro após os disparos, instante em que o réu fugiu, com a arma de fogo em punho. Enquanto, a vítima ficou agonizando na cozinha da residência. Ela foi atingida com quatro tiros de revólver calibre 38.

A filha, então, saiu pela rua, procurando ajuda dos vizinhos, que acionaram o SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e a Polícia Militar. A vítima foi socorrida, mas morreu a caminho do hospital. O réu responde ao processo em liberdade.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions