ACOMPANHE-NOS    
JULHO, DOMINGO  25    CAMPO GRANDE 31º

Capital

Idosa cai em golpe do cartão retido em banco e perde R$ 11,7 mil em Campo Grande

Mulher tentou sacar e, ao ter cartão retido, recebeu ajuda de homem que repassou telefone do "serviço bancário"

Por Silvia Frias | 27/02/2021 07:24
Caso foi registrado na Depac da região central de Campo Grande (Foto/Arquivo: Henrique Kawaminami)
Caso foi registrado na Depac da região central de Campo Grande (Foto/Arquivo: Henrique Kawaminami)

Idosa de 70 foi vítima de golpistas depois que tentou usar o caixa eletrônico de agência bancária, na Avenida Mato Grosso. No golpe, entre transferências, saques e compras, o prejuízo foi de R$ 11,759 mil.

O caso de estelionato foi registrado ontem na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da região central de Campo Grande.

A mulher relatou que foi até a Caixa da Avenida Mato Grosso  por volta das 18h30 para saque e o cartão ficou retido no caixa eletrônico. Neste momento um homem se aproximou e ofereceu número de serviço ao consumidor que seria da Caixa.

Uma mulher se identificando como funcionária do banco atendeu. A idosa, na tentativa de solucionar o problema, forneceu todos os dados bancários à “atendente”.

A funcionária pediu que a idosa saísse da agência pois o sinal estava ruim e, quando a mulher retornou ao local a falsa atendente pediu que colocasse outro cartão no caixa, que também ficou retido.

Novamente, a vítima repassou dos dados do cartão. A atendente disse que não conseguiria ajudar mais e pediu que a idosa entrasse em contato na segunda-feira com o gerente do banco.

Neste meio tempo, ela percebeu o golpe e identificou saques no valor de R$ 1 mil, R$ 1,5 mil, R$ 320,00 e a duas compras de R$ 4.999,80 e R$ 3.640,00.

A idosa disse não se lembrar das características físicas do homem que forneceu o número do serviço consumidor.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário