ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 26º

Capital

Incêndio acaba com estabelecimento penal e internos são "liberados"

Imagens enviadas à redação mostram muita fumaça escura e densa saindo da penitenciária

Por Viviane Oliveira e Ana Beatriz Rodrigues | 18/11/2023 10:14


Incêndio atingiu o Estabelecimento Penal de Regime Aberto e Casa do Albergado de Campo Grande, na manhã deste sábado (18), na Rua América Marques, na Vila Sobrinho. Não há informações de feridos.

Em entrevista ao Campo Grande News, Rodrigo Rossi Maiorchini, diretor-presidente da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) informou que os internos foram liberados para cumprir prisão domiciliar enquanto a unidade estiver em reforma.

"O Judiciário decidiu colocar em domiciliar, alguns com tornozeleiras eletrônicas e, assim, porventura passar dessa semana e a gente analisar o quadro  junto ao judiciário poderemos colocar o monitoramento em todos para começar a reforma no prédio", explicou Rossi.

Imagens enviadas à redação mostram muita fumaça escura e densa saindo da penitenciária. A suspeita é de que curto-circuito em um ventilador tenha provocado o fogo. Foram mobilizados para atender a ocorrência 4 viaturas do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar do Batalhão do Choque e da Força Tática.

Movimentação de policiais militares, bombeiros e policiais penas no local (Foto: Ana Beatriz Rodrigues)
Movimentação de policiais militares, bombeiros e policiais penas no local (Foto: Ana Beatriz Rodrigues)

A quadra onde fica o Estabelecimento Penal foi interditada para os trabalhos dos bombeiros. Os militares utilizaram cerca de 6 mil litros de água para conter o fogo. Conforme Felipe Bandeira, 2º tenente do Corpo de Bombeiros, ainda não se sabe o que causou o incêndio, nem como começou. Quando entraram, a Polícia Penal já havia evacuado o prédio. Por causa das chamas, uma parte do teto desabou.

No local, se encontravam 100 internos. Eles foram liberados para serem monitorados em casa. O regime aberto é destinado para condenados não reincidentes, cuja pena não exceda 4 anos. Nesse caso, os internos devem trabalhar durante o dia e se recolher na casa de albergado no período noturno e dias de folga.

Um dos pavilhões da unidade ficou destruído (Foto: Direto das Ruas) 
Um dos pavilhões da unidade ficou destruído (Foto: Direto das Ruas)

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias