A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

30/05/2015 09:32

Jovem vinga estupro de irmãs e mata acusado com cinco golpes de faca

Edivaldo Bitencourt

Um jovem foi preso acusado de matar um homem de 40 anos por volta das 20h10 de ontem no Bairro Universitária, na saída para São Paulo, em Campo Grande. Ele teria vingado o estupro das duas irmãs, segundo depoimento de uma das vítimas à polícia.

Conforme o boletim de ocorrência, policiais militares encontraram Marcos César Barbosa, 40 anos, morto e caído na Rua Félix Pacheco, na Universitária. Ele levou cinco golpes de arma branca. O homem estava com todos os documentos e ao lado da motocicleta Honda CG 125.

Testemunhas informaram que o local é freqüentado por usuários de drogas. No entanto, ao iniciar a investigação, policiais localizaram roupas sujas de sangue na casa do suspeito.

Ao ser interrogada pela segunda vez, uma das irmãs contou que Marcos violentou ela e a irmã. O autor do assassinato era seu irmão, que vingou os estupros.

Wilker Penajo Manarini, 18 anos, foi preso na casa da avó no Bairro Santo Amaro, e encaminhado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento) da Vila Piratininga, onde foi autuado pelo delegado Reginaldo Salomão.



Você está se doendo pelo cara morto Marcelo Petenon? É claro que as moças estavam defendendo o irmão. Claro que as pessoas mentem num primeiro momento, num caso como esse, por medo, porque agora ele provavelmente vai preso, enquanto o safado estuprador estava solto. Claro que ele agiu da forma errada, mas quando o sangue ferve, difícil controlar. Se fosse alguém da sua família? Você já tentou se colocar no lugar? Pode até mesmo ser uma história inventada, hoje no mundo, existe gente pra tudo, mas não acredito que ele iria expor as irmãs dessa forma não...
 
Mariana Carvalho em 30/05/2015 19:44:06
Parece mesmo que essa historia de estupros foi inventada depois pra "justificar" o assassinato.
Mas a policia civil com certeza vai esclarecer isso aí.
 
Jean Sanches em 30/05/2015 15:17:15
LEIA COM ATENÇÃO "MARIANA CARVALHO", ANTES DE DAR SEU COMENTÁRIO. ("Ao ser interrogada pela SEGUNDA VEZ, uma das irmãs contou que Mauro violentou ela e a irmã.") Veja bem foi no segundo interrogatório que ela mencionou. Porque ela não informou o estupro já no primeiro interrogatório? Outro interrogatório que não é mencionado foi do autor do crime que depois de dar dois interrogatório somente no terceiro mencionou o estupro. Antes de julgar vamos primeiro esperar a investigação da polícia.
 
marcelo petenon em 30/05/2015 14:27:34
Todos os dias vemos notícias de crianças, jovens e mulheres sendo estupradas, espancadas e até mortas e nossa justiça, por negligência ou por estar de mãos atadas, não fazem nada. É isso o que acaba acontecendo, justiça feita com as próprias mãos. Quando assim o cara fez o que fez e estava solto, zombando das pessoas e provavelmente faria de novo se tivesse tido oportunidade. Que pai, irmão, familiar dorme tranquilo com isso? Eu, no lugar desse rapaz, teria feito a mesma coisa, pois o cara destrói a vida de duas moças, da família toda, e estava solto, andando por aí como se nada tivesse acontecido. Esse não vai fazer falta pra humanidade...
 
Mariana Carvalho em 30/05/2015 11:56:09
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions