A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

08/04/2014 08:49

Justiça decreta a prisão preventiva dos envolvidos na morte do empresário

Graziela Rezende

A Justiça acatou o pedido de prisão preventiva dos envolvidos no latrocínio (roubo seguido de morte) do empresário Erlon Peterson Pereira Bernal, 32 anos. Segundo a delegada Maria de Lourdes Cano, responsável pelas investigações, o resultado saiu ontem (7), quando o grupo completou 48h na cadeia.

Além deste crime, que teve como agravante a ocultação do cadáver, porte ilegal de arma e até a impossibilidade de defesa da vítima, a Polícia investiga a participação deles em outro latrocínio ocorrido há 60 dias. Eles possuem idade entre 17 a 22 anos, com exceção do funileiro que pintou de branco o veículo Golf 09/10 prata e cuja participação ainda está sendo verificada.

Crime – Erlon saiu de casa às 14h da terça-feira (1°) para mostrar o carro a um suposto cliente, na avenida Interlagos, em frente a rotatória da Coca-cola. O bandido se mostrou interessado, porém comentou que precisava mostrar para uma tia, em uma residência, para “fechar o negócio”.

No bairro São Sorge da Lagoa, ele foi morto no quintal com um tiro na nuca e enterrado em um fossa séptica.

Com o veículo, a Polícia acredita que o grupo praticaria novos assaltos na Capital ou trocaria por droga na fronteira. A delegada tem 10 dias, a contar de sábado (5), para finalizar o inquérito.



Nossa policia está de parabéns, que esses marginais fique preso por muitos anos, Ou se sumirem do mapa melhor ainda.
 
Vera Lucia Di Giorgio em 08/04/2014 13:47:21
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions