A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

21/08/2013 08:41

Justiça nega liberdade de motorista que causou acidente grave na Ceará

Evelyn Souza
Acidente quase derrubou o poste e deixou região sem energia. (Foto: Cleber Gellio)Acidente quase derrubou o poste e deixou região sem energia. (Foto: Cleber Gellio)

A Justiça negou o pedido de liberdade de Aderivaldo de Souza Ferreira Júnior, 25 anos, motorista do Fiat uno que colidiu com um poste e deixou duas pessoas gravemente feridas no último dia 3, no cruzamento das ruas Ceará e Amazonas,em Campo Grande.

Na decisão, o juiz Aluizio Pereira dos Santos, da 2ª vara do tribunal do Júri, diz que “há sinais indicativos de que (o autor) estava em excesso de velocidade, pois com batida derrubou, sobre o veículo, o poste de iluminação pública, tamanha a força da colisão. Também, há informações de que todos os ocupantes do veículo (vítimas e o requerente) apresentavam, no momento do acidente, odor etílico, além de que a testemunha disse que passou a noite na companhia das vítimas e de ADERIVALDO no Bar chamado "Bartolomeu", sendo que TODOS ingeriram muita bebida alcoólica minutos antes do acidente”.

O juiz também entendeu que enquanto “realizava o exame de Raio "X"no Hospital Santa Casa de Campo Grande, Aderivaldo tentou fugir, dando sinais de querer se eximir de responsabilidades e que o fato de ser réu primário não é suficiente para lhe conferir o direito à liberdade”.

Na última segunda-feira (19), o MPE (Ministério Público Estadual) denunciou o motorista por tentativa de homicídio qualificado, com dolo eventual. Aderivaldo está preso deste o dia do acidente e pode ir a júri popular. 

Caso - Os jovens tinham saído do bar Bartolomeu, no bairro Chácara Cachoeira e pretendiam comer em uma lanchonete da região quando aconteceu o acidente. Aderivaldo, que tinha bebido vodca, perdeu o controle do carro e bateu com violência contra o poste. Ele teve escoriações na cabeça e no rosto. Já o motoristam teve ferimentos no rosto.

Ao todo, quatro pessoas estavam no carro: Lucas Leite de Oliveira, 19 anos, que estava no banco de trás do veiculo, quebrou braço, perna, bacia e ficou em estado grave. Otávio Sol Cotpe, 19 anos, saiu ileso do acidente.

A vítima mais grave é a estudante Catarina Mantovam, que permanece internada na CTI da Santa Casa de Campo Grande.

Alta - Lucas recebeu alta da Santa Casa na última quinta-feira (15). O jovem quebrou o fêmur das duas pernas, fraturou o braço, a clavícula e teve cortes no rosto. Ele passou por três cirurgias e se recupera em casa, no bairro São Francisco.

 



Duro é julgar as pessoas sem conhece-las, ninguém deseja o mal para ninguém e desejo que esta jovem melhore e retorne a sua vida normal... mas sou amiga do Aderivaldo e conheço muito bem ele para saber que não fez isso por mal.. foi um acidente e quantos e quantos pai de família não vão a festa de aniversários bebem e retornam para casa com família e filhos no carro após ter bebido... ele não fez por mal.. perdeu o controle.. é um menino de coração muito bom!!!! torço para que de tudo certo para ele!!!
 
Ane Fernandes em 05/09/2013 10:39:45
Negou a liberdade para o infrator? Parece que temos a esperança e ter justiça neste país medíocre!
 
Alexandre de Souza em 21/08/2013 09:52:02
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions