A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

03/03/2011 17:49

Luiz Afonso deverá ficar 8 anos em regime fechado, segundo promotor

Marta Ferreira e Nadyenka Castro
Luiz Afonso deixa Tribunal do Júri, após condenação, nesta tarde. (Foto: João Garrigó)Luiz Afonso deixa Tribunal do Júri, após condenação, nesta tarde. (Foto: João Garrigó)

Condenado hoje a 20 anos de reclusão pelo assassinato da arquiteta Eliane Nogueira, o empresário Luiz Afonso Santos de Andrade, 43 anos, deve cumprir cerca de 8 anos de pena em regime fechado, segundo afirmou hoje o promotor Renzo Siufi, um dos responsáveis pela acusação.

Após esse prazo, segundo Siufi, ele poderá progredir de regime, para o semiaberto. O tempo pode diminuir um pouco se Luiz Afonso trabalhar na prisão, o que dá direito a remir os dias de trabalho.

Encerrado o julgamento, o promotor disse que a sentença foi satisfatória e que não deve haver recurso para aumentar a pena.

Os defensores também não manifestou interesse em recorrer. O advogado Rui Lacerda informou que mesmo discordando de duas das três qualificadoras impostas (motivo torpe e recurso que dificultou a defesa da vítima), a defesa está “inclinada a não recorrer”.

De acordo com ela, a pena definida pelo juiz Aluizio Pereira dos Santos após a decisão dos jurados considerando Luiz Afonso culpado de homicídio doloso triplamente qualificado ficou dentro do esperado.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions