A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 19 de Abril de 2019

04/04/2019 12:33

Menina de três anos sofre corte na nuca após ser atropelada por motocicleta

Vítima sofreu corte na região da nuca e ferimentos no braço; criança foi levada para Santa Casa

Liniker Ribeiro e Danielle Matos
Moto que atingiu criança de 3 anos que atravessava a rua Aropoti, no Aero Rancho (Foto: Marina Pacheco)Moto que atingiu criança de 3 anos que atravessava a rua Aropoti, no Aero Rancho (Foto: Marina Pacheco)

Criança de 3 anos ficou ferida após ser atropelada por uma motocicleta ao tentar atravessar a Rua Arapoti, no Conjunto Habitacional Aero Rancho, em Campo Grande. O acidente aconteceu pouco antes do meio-dia, em frente ao Parque Olímpico Ayrton Senna, no momento em que a menina tentava atravessar a rua.

A mãe, Cristiane Martins, revelou que a vítima estava sentada na calçada do parque, na companhia dos pais e de uma tia, quando tentou voltar para casa, localizada em frente ao local. “Quando eu a vi na rua ainda chamei, mas ao invés de votar ela correu para a outra calçada”, afirmou.

O motociclista, identificado apenas como Antônio, de 43 anos, contou que voltava do trabalho para almoçar em casa quando o acidente aconteceu. Antes de atingir a menina, o motociclista ainda passou por um quebra-molas não sinalizado.

 

Família da vítima aguardando atendimento (Foto: Marina Pacheco)Família da vítima aguardando atendimento (Foto: Marina Pacheco)

Segundo afirmou, ele não estaria em alta velocidade, mesmo assim, não conseguiu evitar o acidente. “Não deu tempo de parar”, revelou. Por conta da colisão, a menina acabou sofrendo um corte na região da nuca e ferimentos no braço. Como ela chorava muito no momento do atendimento dos socorristas, foi preciso uso de sedativos para acalma-la.

Equipes do Corpo de Bombeiros e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) estiveram no local. A menina foi levada para a Santa Casa da Capital. De acordo com Cristiane, por mais que a rua seja tranquila, os veículos costumam passar pelo local em alta velocidade. “Aqui é linha de ônibus e até eles passam por aqui muito rápido”, afirmou.

Sobre o quebra-molas não sinalizado, um vizinho que não quis se identificar, revelou que equipes da prefeitura realizaram recentemente obras de recapeamento no local, mas até o momento não voltaram para pintar.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions