A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

11/08/2011 15:29

Menino de nove anos que foi abandonado em BR pode continuar com a mãe

Ana Paula Carvalho
Lindeureni declarou que marido também a espancou. (Foto: Ana Paula Carvalho)Lindeureni declarou que marido também a espancou. (Foto: Ana Paula Carvalho)

O menino de nove anos que foi encontrado na madrugada da última terça-feira (9) após ser espancado e abandonado pela mãe e pelo padrasto na BR-163, em Campo Grande, pode voltar ao convívio da mãe.

Segundo a delegada Regina Márcia Rodrigues, responsável pelas investigações, Lindeureni da Vera Cruz Pecorari, 37 anos, mãe da criança, também foi considerada vítima, já que o depoimento dela bate com o que a criança diz.

O menino relatou a delegada que no dia da agressão a mãe estava muito estranha e que nunca tinha visto a mãe daquele jeito. Outro fator que levou a polícia a considerá-la vítima foi que ela estava dopada tendo que ser encaminhada ao posto de saúde.

Ainda de acordo com a delegada, a princípio, a criança vai continuar sob os cuidados do pai ou de outro familiar, até que as investigações sejam concluídas. Só depois disso, o Conselho Tutelar vai fazer um acompanhamento para identificar a possibilidade de a criança ficar com a mãe.

Sandro Moreira Cabreira, 37 anos, padrasto do menino pode ser transferido ainda hoje da Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente) para o presídio de trânsito. O homem foi indiciado por lesão corporal dolosa contra a criança e a mãe, estupro contra a companheira, abandono de incapaz e maus-tratos.

O caso - O menino foi encontrado por volta das 2 horas da última terça-feira (09) caminhando sozinho, com diversas lesões pelo corpo, às margens da BR-163, saída para São Paulo, em Campo Grande.

Um rapaz de 21 anos seguia pela rodovia em direção à casa onde mora, na Chácara das Mansões, quando observou que um caminhão fez uma manobra brusca e desviou de algo na pista.

O jovem, que preferiu não se identificar, declarou que pensou que fosse algum animal, mas verificou que se tratava de uma criança e cerca de 100 metros depois retornou, na contramão, de encontro ao menino.

Segundo o rapaz, o garoto estava desesperado, lesionado e com hematomas no rosto. Diante da situação, levou a criança para sua casa. O menino contou que o padrasto havia lhe batido porque tinha deixado seus brinquedos no chão.

Falou ainda que depois das agressões, o padrasto disse que o levaria para comer seu último cachorro-quente. O menino comeu, por volta da 1 hora, e depois, segundo ele, foi deixado na rodovia.

Quando a criança dormiu, o jovem procurou a PRF (Polícia Rodoviária Federal) e foi orientado a ir à Depca (Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente) ainda pela manhã.



Muito triste, antes abandanavam animais, hoje abandonam gente!!!
 
getulio s santos em 12/08/2011 09:22:45
NÃO ACREDITEI NUMA SÓ PALAVRA DELA,GENTE FOI UM TEATRO SÓ,MESMO Q FOSSE TUDI VERDADE,NUNCA JAMAIS EU DEIXARIA O FILHO ABANDONADO EU PULARIA DO CARRO SE FOSSE PRECISO MAS FICARIA C ELE LÁ NA RODOVIA,AGORA ELA NÃO PENSOU SÓ NELA.
 
maira mendes em 12/08/2011 08:51:22
Mãe que é mãe de verdade que tem amor no filho, briga por ele igual uma leoa, coisa que essa mãe deveria ter feito e não fez....Deus ajude que ela põe a mão na conciência e passe a zelar do filho.
 
Rosangela Carvalho em 12/08/2011 08:39:37
Não deveria voltar com a mãe não. Essa mulher é descontrolada, jogou água no repórter q estava filmando ela. E na primeira matéria que li, diz que o padrasto q forçou ela bater no filho..que mãe é essa? Eu poderia ser espancada e até morta, mas não espancaria meu filho, jamais.
 
Antonela Morales em 12/08/2011 08:08:22
mulherada carente... valeu a pena.?? vou lhes dar um conselho. pega mais nao se apega ja foi casada, viu q nao eh bom... ficar sozinha as vezes eh melhor do q mal
acompanhada...
 
maria helena em 12/08/2011 08:01:19
Essa crianca nao deveria nunca voltar com a mae, ela nao tem amor, pq se tivesse nao teria feito nunca o que fez, mais infelizmente nossa justica nao se preocupa com as criancas.
 
Marilea DAmico Bezerra em 12/08/2011 07:15:10
Nao concordo nao. Mae q e mae nao deixa seu filho desta maneira por causa de um homem. Para mim nao merece estar na companhia da criamça nao, merece sime estar na companhia do marido, na cadeia tb.
 
Eduardo Souza em 12/08/2011 05:36:57
SE O PAI BIOLÓGICO DO MENINO NÃO PEDIR A GUARDA E CUIDAR DO FILHO, ELE É PIOR QUE O PADASTRO.........
COM A MÃE NUNCA MAIS.....ELA ESTÁ APAIXONADA..... PALAVRA DITAS POR ELA........VAGA...........SERÁ QUE O PAI DO MENINO NÃO VÊ QUE O MACHÃO DA EX-DELE JA TEM ANTECEDENTES???? E VAI DEIXAR O FILHO COM ELES....
A JUSTIÇA VAI BOBEAR MAIS UMA VEZ.....SERÁ????

 
GILMAR CANDIDO em 11/08/2011 09:33:36
Esse bandido não pode ser solto. Essa mulher e o filho correm perigo de vida com esse monstro em liberdade. Caso seja liberado, a mãe e a criança deverão ser recolhidos em um abrigo sigiloso (proteção de testemunhas) como medida de segurança.
 
Jeanne Couto em 11/08/2011 08:48:06
NAO VI ESSA MULHER DERRAMAR UMA LAGRIMA - NA REPORTAGEM PARA UMA TV LOCAL- E OUTRA QUE CONDICOES TEM UMA MAE DE CUIDAR DE UMA CRIANCA COMO E O CASO DELA!! ELA NAO GARANTIU EM MOMENTO ALGUM A INTEGRIDADE DESSA CRIANCA ESTEVE NO LOCAL ONDE FOI COMPRADO O CACHORRO QUENTE GENTE!!! UMA MAE PARA PROTEGER UM FILHO BERRA, GRITA TEM QUE SE TOMAR MTO CUIDADO . JA PROVOU QUE NAO TEM CONDICOES DE CRIAR ESSA CRIANCA. EU NAO ENTENDO ESSA NOSSA JUSTICA ISSO FOI SERIO!!! COMO ESSA CRIANCA VAI VOLTAR PARA A MAE, TUDO BEM CASO NAO TIVESSE O PAI O CERTO SERIA O SERVICO SOCIAL TRABALHAR A MAE MAS COMO TEM O PAI...
 
aparecida rocha em 11/08/2011 07:44:55
É vai ficar com a mãe. Mas acho bom acompanhar, num acredito muito nela não.
 
Maria Zavan em 11/08/2011 07:20:21
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions