A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

10/07/2015 19:54

Ministério Público faz vistoria em Unidades de Pronto Atendimento

Thiago de Souza
Ação contou com representantes de órgãos de saúde da Cidade e do Estado. (Foto:  Divulgação MPMS)Ação contou com representantes de órgãos de saúde da Cidade e do Estado. (Foto: Divulgação MPMS)

Três UPA’s (Unidade de Pronto Atendimento) foram vistoriadas na última quarta-feira (8) a pedido do Ministério Público de Mato Grosso do Sul. A ação da promotoria foi acompanhada por representantes do CRM (Conselho Regional de Medicina), da Santa Casa, do Hospital Universitário, do Conselho Municipal de Saúde da Câmara Municipal, do Hospital Regional e da Sesau (SESAU). O objetivo é checar equipamentos e materiais, como insumos e medicamentos nas unidades Coronel Antonino, Vila Almeida e Universitário para sanar possíveis deficiências e proporcionar melhor atendimento a população que busca o Sistema Único de Saúde.

Esta é a primeira etapa do trabalho. A segunda fase será implementada se constatadas deficiências, e mediante acordo entre a Sesau e hospitais combinados com o SUS, estabelecer um protocolo unificado de encaminhamento de pacientes às unidades hospitalares de Campo Grande.

A terceira fase será marcada por reuniões com a Gestão Municipal, técnicos da Sesau e os hospitais de Campo Grande. De acordo com a promotoria de Justiça, a atual grade é de 2011, ficando distante da realidade da assistência hospitalar em Campo Grande.

Na visita a UPA Coronel Antonino, a Sesau se comprometeu a implantar um Centro de Realização de Exames, oferecendo exames laboratoriais de enzimas cardíacas e estender os procedimentos às demais unidades e aos Centros Regionais de Saúde, a partir de 15 de agosto deste ano. Foi solicitada a instituição de um médico com capacidade técnica para realizar encaminhamento de fluxo aos hospitais da rede conveniada com o SUS.

Planos de Saúde devem indenizar idosos pelo aumento abusivo nas mensalidades
Um dos maiores pontos de conflito entre planos de saúde e usuários está no aumento abusivo das mensalidades decorrentes da idade avançada. De forma r...
Planos de saúde terão que pagar por cesárea eletiva se gestante assumir riscos
Operadoras de plano de saúde terão que pagar pela execução de cesarianas eletivas – quando não há indicação médica – caso a gestante assine um termo ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions