A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

13/07/2012 11:15

Ministério vai ser informado sobre a situação do cão Scooby, diz Nelsinho

Marta Ferreira e Paula Vitorino
O prefeito disse que se passar por cima de determinação do Ministério sobre tratamento de cães com leishmaniose, cidade pode at[e perder recursos. (Foto: Rodrigo Pazinato)O prefeito disse que se passar por cima de determinação do Ministério sobre tratamento de cães com leishmaniose, cidade pode at[e perder recursos. (Foto: Rodrigo Pazinato)

O Ministério da Saúde vai ser informado da situação do cão Scooby, que tem sintomas de leishmaniose e virou mascote de uma campanha contra o sacrifício de animais, vai poder receber tratamento. Ontem, comovido com uma campanha com mais de 10 mil assinaturas pedindo para que Scooby seja salvo, o prefeito Nelston Trad Filho (PMDB) anunciou que o cão receberá tratamento e não será sacrificado.

O cão ficou famoso após ser vítima de maus-tratos. O dono amarrou o bicho a uma moto e arrastou até o CCZ (Centro de Controle de Zoonoses), alegando que havia chamado uma equipe do Centro para ir até a casa buscar o animal e o pedido não foi atendido.

Hoje, ao anunciar a criação de um pronto-socorro veterinário, o prefeito foi mas cauteloso e comentou a decisão em relação a Scooby. Ele disse que pode ter de seguir a todo o protocolo do Ministério da Saúde para cães com leishmaniose, que orienta a eutanásia, para evitar a proliferação da doença.

No entanto, o prefeito pontuou que a situação do Scooby é única e, dependendo do resultado do exame, o caso vai ser analisado pelos técnicos do CZZ.

O prefeito disse que não é possível simplesmente ignogar a determinação do Ministério da Saúde, que vale para todo o País.

Trad comentou que já teve um cachorro diagnosticado com leishmaniose, chamado Dinda, e que ele foi submetido à eutanásia. “É uma determinação do Ministério da Saúde e temos de cumprir”, disse o prefeito. Ele citou que casos de descumprimento podem gerar até corte de recursos.

Ele voltou a repudiar a atitude do dono com o cachorro e disse que é defensor da vida dos animais e contra os maus-tratos. Sobre a situação do cão, disse que ele vai receber o tratamento necessário no CCZ para os ferimentos que teve ao ser arrastado até o CCZ e vai passar por todos os exames.

Nem o secretário de Saúde, Leandro Mazina, nem a diretora do CCZ, Júlia Maksoud, quiseram comentar o caso específico, alegando que só o prefeito fala a respeito. As autoridades da área são veemente contra o tratamento da leishmaniose em cães, alegando que repretenta risco à saúde pública.



Tenho dois caes com leishmaniose . Ja faz quatro anos que a doenca foi diagnosticada e o tratamento foi perfeito.. eles estao lindos . O CCZ muitas vezes nao fala a verdade e inventa essa doenca para que os caes sejam sacrificados. Um so exame nao eh suficiente para diagnosticar leishmaniose no cao.. isso eles nao falam ne?? Todo animal tem direito a vida.. e que Deus abencoe esse cao...
 
Simone Blanco Gutierrez em 17/07/2012 08:43:33
Queria saber se qualquer pessoa que tem um parente, que seja pai, mae, filho, irmao que fsse diagnosticado com HIV ou cancer, nao lutaria por ele e faria eutanasia porque é mais facil e barato...só isso.
 
Daniele Nagy em 13/07/2012 12:17:42
Vou ficar torcendo para que todos os exames que forem feitos para confirmar a leishmaniose de resultado negativo e que o scooby fique bem bonito e encontre um dono que goste dele e cuide dele até ficar bem velhinho.
 
Teresa Moura em 13/07/2012 12:14:10
A leishmaniose não tem cura mais existe tratamento, animais tratados são portadores não transmissores, pois a redução da carga parasitária passa a funcionar como estímulo imunogênico e o animal tem muito baixa capacidade de transmitir a doença.

 
Gabriela Caroline em 13/07/2012 11:58:39
A que ponto estamos chegando! O Cão passa a ser gente, e gente passa a ser o Cão.
 
anderson silva em 13/07/2012 05:11:51
mas eae pergunto uma coisa e se o meu cão tiver com leshmaniose o ccz vai tratar também?ou só o Scooby vai ter esse privilégio? e pergunto de novo e os outros cachorros no ccz com essa doença vão receber tratamento também?? vai ser assim pq se não vamos fazer campanha de não entrega os cachorros com doença para as autoridades públicas para eutanásia!!
 
rodrigo ancel rocha em 13/07/2012 05:06:02
É realmente mais facil matar o cachorro do que combater a causa. Em frente a minha casa tem um terreno que a proprietária foi notificada pela prefeitura para fazer a limpeza.Fez, não tirou a sujeira, a prefeitura não fiscalizou mas ficou sabendo porque avisei do fato. O mato já cresceu de novo e a "cama do mosquito" está lá pronta pra fazer novas vitimas.Estão tampando o sol com a peneira.
 
Lourdes Oliveira em 13/07/2012 04:57:03
Salvem Scooby Cãominha amanhã
com concentração na afonso pena esq. com a 14 de julho
a partir das 8hs
 
Paloma Dos Santos Silva em 13/07/2012 04:26:20
Essa doença é uma desgraça. Eu tinha um cachorro que foi diagnosticado com a doeça e comessei a fazer o tratamento com tudo que me foi passado. O cachorro durou apenas seis meses após o diaguinostico da leischamaniose. Foi muito triste para mim ver o meu cão morrer a mingua e eu não poder fazer mais nada.
 
Pedro malaquias Calaberro em 13/07/2012 03:11:39
PELO AMOR DE DEUS NÃO VAMOS SER IGNORANTE QUE NEM OS IRLANDES.....NINGUEM TEM O DIREITO DE TIRAR A VIDA DE UM CÃO QUE PODE SER TRTADO E TER CURA....ABUSO DE AUTORIDADE,MALDADE,ABUSO DE PODER
 
REGINA BRZEZINSKI em 13/07/2012 03:00:39
Prefeito esta de Parabéns, espero que este caso nao seja esquecido e com isso possa se prestar mais atençao nesses medidas descabidas de "eliminaçao" de animais portadores da doença...é preciso aplicar recursos para prevençao da doença,lembrando que pessoas que tmb ja tiveram leishmaniose e tratam, pode tmb transmitir atraves da picada do Flebotomo, seria entao o caso de EUTANASIÁ-LAS???Absurdo...
 
Caroline Rodrigues em 13/07/2012 02:41:06
Tantas determinações do Ministério da Saúde são descumpridas todos os dias e não há punição...basta irmos aos hospitais públicos para vermos as situações em que os mesmos se encontram. Acho que é mais fácil transferir a decisão do que assumi-la...esses são os nossos políticos!!!
 
Laura Alice em 13/07/2012 02:27:26
Não podemos deixar o Scooby morrer temos que tentar salva-lo já chega de tanto sofrimento podemos e devemos olhar pelos animais indefesos o prefeito subiu no meu conceito ele é uma pessoa do bem só falta ele adotar o Scooby,imagina ia ser demais!!
 
jessica soares em 13/07/2012 02:26:50
A leishmaniose não tem cura mais tem tratamento, conheço um cão que é portador da doença a anos e vive muito bem! É mais fácil matarem os cachorros que são as vítimas, do que acabarem com os mosquitos, os verdadeiros vilões da história!
 
Kêu Costa em 13/07/2012 02:00:04
Sou adestrador de cães e apaixonado por animais em geral! Já vi casos que infelizmente o sacrifício era a unica solução para agonia do cão! O que não entendo é pq os exames realizados pelo CCZ estão dando errados, se dependesse deles 3 cães meus estariam com a doença, não acreditei no resultado, refiz o exame na particular, resultado: negativo! TOTALMENTE diferente do resultado do CCZ!
 
Marcos guimarães em 13/07/2012 01:53:05
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions