ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SÁBADO  25    CAMPO GRANDE 25º

Capital

Polícia identifica cor e modelo de carro que matou ciclista

Motorista ainda não foi localizado, mas poderá ser preso preventivamente caso não se apresente em delegacia

Por Ana Oshiro e Bruna Marques | 29/07/2021 10:05
Pedro tinha 62 anos e morreu depois de ser atropelado na madrugada do último domingo (Foto: Reprodução/Facebook)
Pedro tinha 62 anos e morreu depois de ser atropelado na madrugada do último domingo (Foto: Reprodução/Facebook)

A morte de Pedro Lopes dos Santos de Souza, de 62 anos, ciclista que morreu atropelado na madrugada do último domingo (25), em trecho da BR-163, na saída para São Paulo, em Campo Grande, pode estar perto de ser esclarecido, de acordo com a Polícia Civil.

Segundo o delegado João Reis Belo, responsável pela investigação, o motorista atropelou Pedro e fugiu em direção à Avenida Dos Cafezais. "Já fomos em mais de 10 locais por onde o condutor do veículo passou, ouvindo testemunhas e pegando imagens de câmeras de segurança", disse o delegado ao Campo Grande News.

Pedro foi velado e enterrado nesta quarta-feira (Foto: Henrique Kawaminami)
Pedro foi velado e enterrado nesta quarta-feira (Foto: Henrique Kawaminami)

Nem todas as imagens são nítidas, mas estão sendo analisadas na tentativa de identificar a placa do veículo, que já tem cor e modelo identificados. Segundo as investigações, o motorista estava na região das Moreninhas antes de atropelar Pedro.

"Estamos próximos de descobrir o autor e, uma vez descoberto, caso ele não se apresente, com certeza, vamos pedir prisão preventiva dele. Se ele se apresentar na delegacia, será ouvido e poderá ser liberado", finalizou João Reis.

Acidente - Com a batida, Pedro acabou sendo arremessado por cerca de 30 metros, o que provocou múltiplas fraturas, principalmente, no tórax, braços e pernas. Pedro foi socorrido para a Santa Casa de Campo Grande, onde teve uma parada cardíaca e faleceu. Ele foi velado e sepultado na manhã desta quarta-feira (28).

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário