A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

21/11/2017 16:06

Mudanças do Reviva Centro começam pela 14 de Julho em fevereiro

Tapumes serão colocados para garantir acesso de clientes as lojas

Kleber Clajus
Histórico relógio da 14 de Julho com Avenida Afonso Pena está previsto no projeto (Foto: Divulgação)Histórico relógio da 14 de Julho com Avenida Afonso Pena está previsto no projeto (Foto: Divulgação)

 

A Prefeitura de Campo Grande pretende executar, a partir de fevereiro, obras de requalificação da área central com mudanças no cabeamento de energia elétrica, pavimentação e drenagem da Rua 14 de Julho. Intervenção pode durar 40 meses.

Diretora-executiva de projetos estratégicos, Catiana Sabadin pontuou que planilha do projeto Reviva Centro teve atraso ao aguardar posicionamento da Energisa sobre o aterramento da fiação da rua, no trecho entre as avenidas Fernando Corrêa da Costa e Mato Grosso.

Intervenções contemplam entre 12 a 14 quadras, com extensão de 1,4 km, sendo utilizados tapumes para não prejudicar o acesso de clientes as lojas. A expectativa é de que as obras durem em média dois meses em cada quadra.

Compõe a primeira etapa do projeto mudanças na fiação elétrica, drenagem, pavimentação, calçada, paisagismo e mobiliário. A proposta inclui ainda alteração nas redes de distribuição de água, gás e coleta de esgoto, assim como acessibilidade, sinalização viária, iluminação e paisagismo. Histórico relógio da 14 de Julho com Avenida Afonso Pena também deve voltar.

Os serviços, conforme a assessoria da prefeitura, iniciam mediante emissão de ordem de serviço junto a empresa consultora contratada. Prazo final para execução das obras é de 40 meses, incluindo melhorias similares, com extensão de 15,7 km, nas ruas adjacentes.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions