ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, SEGUNDA  06    CAMPO GRANDE 29º

Capital

Na 2ª noite de frio, 18 pessoas são encontradas dormindo nas ruas

Se você ver pessoas em situação de rua no frio ligue para a assistência social: 9-8404-7529 ou 98471-8149

Por Paula Maciulevicius Brasil | 20/07/2021 10:00
Das 18 pessoas abordadas na noite passada, 14 delas aceitaram cobertores, mas não quiseram ir para abrigo. (Foto: Divulgação/SAS)
Das 18 pessoas abordadas na noite passada, 14 delas aceitaram cobertores, mas não quiseram ir para abrigo. (Foto: Divulgação/SAS)

Na noite de ontem (19), a segunda de frio intenso na Capital, o serviço de assistência social da Prefeitura esteve nas ruas prestando acolhimento e levando, quem aceita, para locais quentes, com comida, dormitório e agasalho.

O SEAS (Serviço Especializado em Abordagem Social) funciona 24h por dia, e nessa noite, abordou 18 pessoas, apenas duas delas aceitaram ir para uma casa de acolhimento, e outros 14 aceitaram cobertores para passar a noite fria.

Segundo a meteorologia, os termômetros registraram mínima de 5°C por volta das 5h da manhã, quando o dia estava para amanhecer, no entanto, a sensação térmica era de 4ºC.

Baixas temperaturas devem seguir até quinta-feira durante à noite, período em que as pessoas estão suscetíveis ao frio. (Foto: Divulgação/SAS)
Baixas temperaturas devem seguir até quinta-feira durante à noite, período em que as pessoas estão suscetíveis ao frio. (Foto: Divulgação/SAS)

A previsão é de que a partir de amanhã (21), as temperaturas já comecem a subir, mas o aumento na temperatura mesmo será sentido só do dia 22 em diante.

No domingo (18), o mesmo serviço da Prefeitura fez 13 abordagens e apenas duas pessoas aceitaram ir para um abrigo. As demais receberam cobertores e mantas.

Como o SEAS (Serviço Especializado em Abordagem Social) não pode obrigar as pessoas a saírem das ruas, o máximo feito é ofertar cobertor. O trabalho que já acontece diariamente é intensificado no frio, quando as equipes se dividem e seguem um mapeamento prévio. Segundo o órgão, boa parte das pessoas em situação de rua se encontram na região central. -

O SEAS também atende conforme ligações. Então, se você viu pessoas em situação de rua neste frio, pode ligar para os telefones: 98104-7529 e 9-8471-8149, e informar o endereço.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário