ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEGUNDA  23    CAMPO GRANDE 33º

Capital

Na disputa por forro do Aquário, empresa contesta valor de concorrente

Aluminium apresentou proposta de R$ 3,5 milhões para concluir forro do Aquário, mas valor foi contestado pela Alubond

Por Silvia Frias e Leonardo Rocha | 11/03/2020 10:27
Detalhes do edital que prevê a recuperação do forro do Aquário (Foto/Reprodução)
Detalhes do edital que prevê a recuperação do forro do Aquário (Foto/Reprodução)

A empresa Aluminium Comunicação Visual apresentou o menor valor para conclusão do forro do Aquário do Pantanal, R$ 3,533 milhões, conforme abertura das propostas hoje na Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos). Porém, a Alubond Indústria pediu impugnação, o que será analisado pela comissão.

Esta é a terceira tentativa para concluir a licitação para conclusão do revestimento de alumínio composto – forro e monocapa, em certame que havia sido aberto em dezembro de 2019. Nas duas outras audiências, a comissão encontrou problemas na documentação apresentada pelas empresas.

O serviço estava orçado em R$ 4,434 milhões, conforme edital, que prevê vitória da empresa que apresentar menor preço para execução dos trabalhos.

Esta etapa da obra prevê fornecimento e instalação de calhas, fabricação e instalação de monocapas externa e interna, especificando estrutura auxilar do forros do auditório, e biblioteca. O orçamento também engloba serviços gerais de canteiro, limpeza e administração local.

Hoje, as empresas que estiveram no certame anteriormente voltaram a concorrer: Aluminium e Alubond, além da Salver Construtora e Incorporadora Ltda.

A Salver Construtora apresentou R$ 3.533.333,00 e a Alubond, R$ 4,5 milhões. A Aluminium havia apresentado valor maior, não informado pela comissão, porém, por se empresa de pequeno porte, teria direito a ofertar contraproposta, sendo estabelecida em R$ 3,5 milhões.

Logo após a apresentação das propostas, a Alubond entrou com impugnação contra a Aluminiun, alegando que a empresa não apresentou planilha detalhada de como executar o serviço.

A comissão irá avaliar o pedido de impugnação. Caso não seja deferida, a Aluminium terá dois dias para apresentar documentação completa e planilha. A partir daí, sendo aceita, serão publicadas a homologação do contrato e assinatura da ordem de serviço.

Licitações – até agora, duas licitações já foram finalizadas com ordem de serviço já publicada. A primeira, de 17 de outubro, definiu que a Gomes & Azevedo é a responsável pela troca de vidros, em contrato orçado em R$ 386,4 mil.

A outra licitação definida é a substituição das telhas da Aquaesfera, a ser executada pela Montagna Estruturas Metálicas, orçada em R$ 1,8 milhão. O contrato foi fechado em novembro de 2019.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário