A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 13 de Outubro de 2019

07/01/2019 15:41

Na primeira semana do ano, Corpo de Bombeiros apagou um incêndio por dia

Em todo o Estado, a quantidade de ocorrências atendidas já chega a 17

Kerolyn Araújo e Mirian Machado
Em todo o Estado, a quantidade de ocorrências atendidas já chega a 17, cinco a mais do que nos primeiros sete dias de 2018. (Foto: Henrique Kawaminami)Em todo o Estado, a quantidade de ocorrências atendidas já chega a 17, cinco a mais do que nos primeiros sete dias de 2018. (Foto: Henrique Kawaminami)

Na primeira semana de 2019, o Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul combateu sete incêndios em Campo Grande, o mesmo número de casos registrados no mesmo período do ano passado. Em todo o Estado, a quantidade de ocorrências atendidas já chega a 17, cinco a mais do que nos primeiros sete dias de 2018.

Um dos casos mais graves envolvendo incêndio em residência ocorreu na tarde da última sexta-feira (4), no bairro Polonês. Um menino de 8 anos ficou gravemente ferido após ter 85% do corpo queimado. Ele dormia em um sofá quando a casa pegou fogo. A suspeita é de que o irmão, de 7 anos, tenha causado as chamas com um isqueiro.

O menino segue internado no CTI (Centro de Terapia Intensiva) da Santa Casa, está entubado sob ventilação mecânica e fazendo uso de medicação para manter a pressão arterial. Ele passará por uma cirurgia de desbridamento para a retirada das peles mortas das áreas afetadas como o couro cabeludo, face, orelhas, região do tórax, braços e pernas. A retirada dessas peles ajuda a melhora da evolução da queimadura por meio de curativos.

No dia 10 de dezembro do ano passado, um incêndio também destruiu o segundo andar do Hotel Nacional, na região central de Campo Grande. Cinco hóspedes estavam acomodados no local, mas nenhum deles estavam no local no momento. Ninguém ficou ferido. 

 

Segundo andar do Hotel Nacional ficou totalmente destruído. (Foto: Paulo Francis)Segundo andar do Hotel Nacional ficou totalmente destruído. (Foto: Paulo Francis)

Segundo o Corpo de Bombeiros, os incêndios são comuns do que imaginamos e, na maioria das vezes, são causados por momentos de descuido. Ao Campo Grande News, o órgão deu algumas dicas para evitar o acidente doméstico. Confira:

- Além de verificação periódica das condições do sistema elétrico da residência, é necessário evitar utilizar vários equipamentos elétricos ao mesmo tempo, como ferro de passar roupa, chuveiro quente e torneira elétrica. Esses aparelhos ligados todos no mesmo momento podem sobrecarregar a rede elétrica da casa e provocar incêndio;

- Não utilizar vários objetos ligados na mesma tomada com uso de adaptadores;

- Não carregar celular ou tablets em cima móveis estofados;

- Evitar usar velas em caso de falta de energia elétrica e procurar outro tipo de luz de emergência. Caso seja necessário fazer o uso de velas, mantê-las dentro de copos altos, nunca em pratos e longe de cortinas, tapetes ou camas;

- Não descartar bitucas de cigarro diretamente no lixo e certificar de que elas foram completamente apagadas;

- Ao primeiro sinal de vazamento de gás, abra todas as portas e janelas para aumentar o fluxo de ar. Não ligue interruptores ou equipamentos elétricos e interrompa imediatamente o fluxo do combustível;

Ainda conforme o Corpo de Bombeiros, ao fazer reparos no sistema elétrico da casa, contratar sempre um profissional habilitado para o serviço. Em caso de incêndio, os militares devem ser acionados imediatamente por meio do telefone 193.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions