A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

28/12/2011 11:41

Região do shopping está preparada para receber até 80 milímetros de chuva em uma hora

Wendell Reis
Rua vai facilitar acesso e desafogar trânsito na região(Foto:João Garrigó)Rua vai facilitar acesso e desafogar trânsito na região(Foto:João Garrigó)

O prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB), está retornando de Brasília nesta tarde (28) e já tem um compromisso agendado. O prefeito vai visitar a segunda parte da obra de contenção de enchentes e acesso próximo ao Shopping Campo Grande. Após a visita Trad decidirá se a obra será entregue nesta quinta ou na sexta-feira (29).

A obra já está em fase final de execução, com instalação de meio-fio, abertura de boca de lobo, sinalização, arborização e arremates. A previsão é de que a obra seja entregue para liberar o acesso e a parte de paisagismo seja concluída aos poucos. O projeto vai garantir a ligação viária da rua Via Parque a Paulo Coelho Machado, por meio de uma nova rua, chamada de Mauro Rogério de Barros Vanderlei. A nova via vai facilitar o acesso a rua Rubens Gil de Camilo, cortando a avenida Afonso Pena.

A obra também inclui uma alça de acesso da Mauro Rogério a Paulo Coelho Machado, no sentido Afonso Pena-Mato Grosso, ligação da Via Parque a Ivan Fernandes Ferreira, que margeia o Parque das Nações Indígenas. A nova via vai garantir o acesso a rua Coronel Cacildo Arantes, passando pela Afonso Pena, evitando os retornos que acabam dando um nó no trânsito.

Nascente do Prosa foi preservada e receberá paisagismo para atrair a população e animais(Foto:João Garrigó)Nascente do Prosa foi preservada e receberá paisagismo para atrair a população e animais(Foto:João Garrigó)

Contenção de Enchentes - A obra próxima ao Shopping também contém instalação de gabião para amenizar a força da água e a construção de um poço de contenção de 15.000 m³ de água. O poço de contenção é o quinto aberto para evitar enchentes. Os outros estão instalados próximo ao Parque do Sóter e no Parque das Nações Indígenas.

A Prefeitura também instalou outras cinco barragens e deve instalar a sexta para tentar evitar os problemas com a enchente. Somadas todas as intervenções, a barreira montada para atenuar a força da água deixa o local preparado para receber uma chuva de uma hora e com até 80 milímetros. A capacidade foi baseada nos índices de chuvas do Estado e só deve ser rompida caso ocorra uma chuva que nunca caiu em Campo Grande.

O projeto também inclui a preservação de uma das nascentes do córrego Prosa. O local possui diversos peixes e foi preservado. A Prefeitura deve fazer um projeto de paisagismo, garantindo a plantação de buriti, ipê, guariroba, bocaiúva, jenipapo, pitanga e acerola, tudo para alimentar os peixes e pequenos animais que habitam a região.

A obra tem custo aproximado de R$ 8 milhões e possui 200 metros de canalização, com galerias de concreto de 3,5 metros/ 7 metros, muro de arrimo próximo ao Shopping, paisagismo e pavimentação.

Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...
Crianças do Vespasiano Martins recebem Papai Noel e ganham presentes
As crianças do loteamento Vespasiano Martins, na periferia de Campo Grande, receberam a visita especial do Papai Noel neste sábado (16). Foram distri...


Como venho há algum tempo acompanhando as notícias aqui no Campo Grande News, e opinando sobre as obras anti-enchentes, volto a afirmar que essa obra é paleativa e não vai durar mais que um ano para voltar a ter enchente, isto é, se não haver enchente esse ano, a prefeitura combate o problema de forma muito errada, que precisa de uma estratégia muito melhor do que apenas fazer obras.
 
Gustavo Ferreira de Souza em 28/12/2011 12:57:48
Parabens, sr prefeito, por manter e replantar as arvores. Não deixe que os grandes empreedimentos derrubem e matem nossas arvores. ( ex. as mangueiras da esquina da Av. Mato Grosso com a Ceara e foram derrubadas para constr. o estacionamento do supermercado; ou o Jatoba derrubado e morto para construir o estacionamento do condom. Vitalitá...) enfim as arvores vão nos garantir o bom clima.
 
nicolino brun em 28/12/2011 11:56:00
quando sera o 1 teste de 80 mm de chuva? esta igual no b. otavio pecora, fizeram a barragem para segurar toda a areia que desceu do nova lima, no shopping nao vai ser diferente. e para quem continua estacionando o carro na rua perto do shopping em dia de chuva, e bom TER UM SEGURO que cubra carro cheio de agua...
 
emerson santiani em 28/12/2011 03:36:23
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions