ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, DOMINGO  14    CAMPO GRANDE 24º

Capital

Ônibus atola em rua do Noroeste e deixa passageiros ilhados

Rua Perdizes, que passa por obras, está repleta de lama e terra

Por Izabela Cavalcanti e Idaicy Solano | 04/03/2024 08:33
Ônibus atolado na Rua Perdizes, no bairro Noroeste (Foto: Marcos Maluf)
Ônibus atolado na Rua Perdizes, no bairro Noroeste (Foto: Marcos Maluf)

Na manhã desta segunda-feira (04), ônibus da linha 520, atolou na Rua Perdizes esquina com a Urupês, no bairro Noroeste, e deixou vários passageiros ilhados.  A rua está sendo asfaltada e, por isso, a terra está mexida e cheio de lama.

Conforme apurado pela reportagem, no ônibus tinha pelo menos 20 alunos indo para a escola. Todos tiveram que descer e buscar outros meios de condução. Um maquinário chegou no local após 3h para desatolar o ônibus.

O mecânico de manutenção, Cleiton Vilela, de 29 anos, mora no bairro há 1 ano e já passou por várias situações como essa.

“Não só moro como também trouxe a minha empresa para cá para passar raiva. Eu já atolei minha moto no mesmo cruzamento do ônibus. A gente espera que vai melhorar, mas está muito bagunçado ainda”, disse.

O pedreiro Ramão Evangelista, de 65 anos, também vive a mesma situação. “Aqui transita o ônibus e agora fica atolado, muitas pessoas deixam de ir trabalhar. Então, fica difícil. A enxurrada toma conta do bairro e fica difícil para a gente, fica difícil para quem tem carro, para quem tem moto, para quem anda a pé e para quem pega ônibus, tudo é um sacrifício”, lamentou.

Conforme a Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos), na Rua Urupês está sendo concluída a drenagem e logo em seguida serão tapadas as valas abertas para execução da obra. Na etapa seguinte será feita a pavimentação.

"Infelizmente, a chuva atrapalhou o andamento das obras, pois a região tem o solo arenoso e sofre com a enxurrada, tanto em alguns trechos onde está sendo feita a drenagem alguns serviços tiveram que ser refeitos, o mesmo ocorrendo com a bacia de amortecimento, que foi afetada pela erosão em algumas partes", diz a nota.

Segundo o meteorologista Natálio Abrãao, choveu 11,8 milímetros no Bairro Carandá Bosque; 7,4 mm na Vila Santa Luzia; 6,6 mm em Coxim; 9 mm em Rio Verde.

Ambulância atolada - No sábado (2), aproximadamente, 40 moradores do Jardim Noroeste, realizaram um protesto pacífico na Avenida Ministro João Arinos, na entrada do bairro, depois de um morador morrer em ambulância atolada em uma rua sem asfalto.

Segundo os manifestantes, caso não recebam resposta sobre obras em até 15 dias, a avenida será interditada por tempo indeterminado.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Matéria atualizada às 9h30 para acrescentar nota da Sisep 

Nos siga no Google Notícias