ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, TERÇA  25    CAMPO GRANDE 22º

Capital

Paciente bate em funcionária de posto de saúde alegando demora no atendimento

Em nota, a Sesau negou a demora e disse que a paciente já chegou na unidade bastante alterada

Por Ana Beatriz Rodrigues | 09/05/2024 13:58
Fachada da delegacia onde o caso foi registrado nesta manhã (Foto: Arquivo Campo Grande News)
Fachada da delegacia onde o caso foi registrado nesta manhã (Foto: Arquivo Campo Grande News)

Uma mulher, de 47 anos, agrediu uma funcionária, de 35 anos, da USF (Unidade de Saúde Familiar) da Vila Margarida, em Campo Grande. A agressão aconteceu durante a manhã desta quinta-feira (9) e foi necessário acionar uma equipe da GCM (Guarda Civil Metropolitana).

Na delegacia, a paciente alegou que agrediu a funcionária porque a vítima estava mexendo no celular e não estaria atendendo e por isso ficou nervosa. Quando a atendente saiu da sala, ela foi em direção à funcionária e começou a agredi-la.

Por conta da agressão, a funcionária apresentava dores na cabeça, orelhas e unhas. A funcionária contou à polícia que a agressora teria questionado a demora, após isso a funcionária largou o celular e quando saiu da sala foi agredida.

Em nota, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) explicou que a mulher em questão buscou a unidade no fim da manhã já bastante alterada, solicitando um encaixe para renovação de receita médica e que a agressora estava exigindo que a profissional fizesse a solicitação de exames.

“Reiteramos que a informação de que a suposta falta de atendimento é completamente inverídica. Os pacientes estavam sendo atendidos normalmente, inclusive no momento do ocorrido havia duas pacientes na recepção que testemunharam e repreenderam a atitude da mulher”, pontou a secretaria por meio de nota.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias