A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

18/09/2014 21:51

Padrasto é preso acusado de estuprar e matar menina de dois anos

Eduardo Penedo e Liana Feitosa
Padrasto é acusado de estuprar e agredir menina de dois anos de idade. ( Foto: Liana Feitosa)Padrasto é acusado de estuprar e agredir menina de dois anos de idade. ( Foto: Liana Feitosa)

Fernando Floriano Duarte, 33 anos, foi preso acusado de estuprar e matar sua enteada de dois anos de idade na tarde desta quinta-feira (18) em uma casa no Bairro José Abrão, em Campo Grande. O agressor foi detido pelos policiais próximo ao local do crime.

Segundo policiais do pelotão Coophatrabalho, a mãe da menina chegou à casa, e  viu-a caída no chão e foi socorrer, quando o acusado fugiu do local. A menina foi levada as pressas à UPA (Unidade de Pronto Atendimento), Vila Almeida, onde recebeu massagem cardíaca, mas não resistiu e acabou morrendo. A menina tinha sinais de agressões por todo o corpo e suspeita de traumatismo craniano. O irmão da vítima de seis anos informou aos policiais que o padrasto que a agrediu.

Após a morte da criança, a mãe que está grávida de Duarte, entrou em estado de choque e segue internada na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Vila Almeida.

Acusado - De acordo com policias do Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Cidadão) do centro, as mãos do acusado estão com escoriações que podem ser um indício de que ele agrediu a criança. O acusado já possui três passagens policiais por violência doméstica e agressão à ex-mulher. Em todos os casos ele foi detido embriagado. Duarte confessou aos policiais que tem problemas com alcoolismo.

Os policiais do Depac conversaram também com os vizinhos da vítima que confirmaram a agressão e ainda disseram que ouviram os gritos da menina.

O acusado disse à reportagem do Campo Grande News que não fez nenhum mal a criança. ”Não fiz nada. Só discuti. Nunca briguei fisicamente com ela”, justificou Duarte.

Neste momento o menino de seis anos, que presenciou a agressão, e o pai biológico dele estão da delegacia prestando depoimento sobre o caso.

Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...
Crianças do Vespasiano Martins recebem Papai Noel e ganham presentes
As crianças do loteamento Vespasiano Martins, na periferia de Campo Grande, receberam a visita especial do Papai Noel neste sábado (16). Foram distri...


Que absurdo... ainda bem que não vi esse cara na minha frente, porque acho que eu seria capaz de dar uns tapas na cara dele. Que nojo de um ser desse.
 
Margarida Rodrigues Carneiro Gomes em 19/09/2014 08:51:09
Que a justiça seja feita e que esse monstro sofra muito nas mãos dos presos !
Meus sentimentos à mãe e que Deus conforte seu coração.
 
Francesca Marise Costa de Araújo em 19/09/2014 08:36:25
Que a justiça seja feita e que esse monstro sofra muito nas mãos dos presos.
Meus sentimentos à mãe e que Deus conforte seu coração.
 
Francesca Marise Costa de Araújo em 19/09/2014 08:35:16
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions