A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

22/06/2013 18:59

Passeata perde força e protesto agora está na frente da Câmara

Zemil Rocha e Nyelder Rodrigues

Os manifestantes do protesto por melhorias nos serviços públicos e da “Marcha da Maconha” estão agora em frente à Câmara de Campo Grande. O clima é pacífico, mas já começou a ficar esvaziado. De 1.600 participantes, agora não passa de 600 na passeata.

Preventivamente, vários guardas municipais e policiais militares estão em volta da sede da Câmara, a fim de evitar qualquer tipo de invasão ou depredação do patrimônio público, como chegou a aconteceu ontem.

Há pouco, os ativistas estão gritando palavras de ordem para convencer os guardas e PMs a se juntarem a eles. “Tira a farda e vem para rua”, apelam os manifestantes, sem contudo conseguir adesões. “Ei você aí fardado, também é explorado”, continuam a gritar.

Também estão lembrando do lanche que os vereadores tinham direito e que foi cancelo pelo presidente da Câmara esta semana. “Dinheiro só para café”, afiram os manifestantes.

Agora os manifestantes estão se sentando na Av. Jatiuka Park, na frente da Câmara Municipal.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions