A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

22/06/2013 17:51

Famílias participam de protesto, mas temem ação de vândalos na Capital

Zemil Rocha e Evelyn Rocha
Família vai à manifestação contra corrupção em Campo Grande (Foto: Marcos Ermínio)Família vai à manifestação contra corrupção em Campo Grande (Foto: Marcos Ermínio)

Algumas famílias estão participando do protesto por melhorias nos serviços públicos e contra a corrupção, mas temem peça ação de vândalos no centro de Campo Grande. Hoje é o terceiro dia de protestos na Capital e nos últimos dois dias ações violentas foram realizadas contra o patrimônio público e particular, inclusive com furto de documentos na Câmara Municipal e apedrejamento de ônibus.

Márcio Edson Bistoli, de 55 anos, representante comercial, participa da mobilização com os dois filhos, duas netas e uma sobrinha, todos adolescentes. “Estou com um pouco de receio. Algumas pessoas está na cara que não estão com intenção de se manifestar, mas de fazer vandalismo”, afirmou ele.

Filha mais velha, Cintia Monteiro Bistossi, enfermeira, veio de Ponta Porã e não resistiu à força atrativa do movimento que, como uma onda, avançou por todo o País. “Eu queria muito participar porque isso aqui vai ficar para a história”, declarou.

Outra família, a de Janaína Coutinho, que estava com o marido e o filho de 11 anos, também estava entusiasmada em participar da mobilização, mas desistiu de participar da passeata. Indagad sobre o motivo que trouxe a criança, Janaína respondeu: “Trouxe meu filho para mostrar como é a busca pela democracia e pelo direito de se manifestar. Pode ser que assim a gente consiga amenizar a corrupção e melhorar a educação”.

Assim que começou a passeata, Janaína encerrou sua participação no movimento e voltou para sua residência.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions