A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

25/06/2013 19:24

Paulo Magalhães respondia a 29 ações por calúnia e difamação

Ângela Kempfer
Paulo Magalhães respondia na Justiça 21 ações criminais. (Foto: reprodução/Facebook)Paulo Magalhães respondia na Justiça 21 ações criminais. (Foto: reprodução/Facebook)

Em site criado por ele para publicar denúncias contra gestores públicos, o delegado aposentado Paulo Magalhães divulgou no ano passado que respondia na Justiça a 21 ações criminais e 8 cíveis sob a alegação de calúnia e difamação contra servidores públicos federais e estaduais.

Na mesma publicação, na página da ONG Brasil Verdade, ele garantiu já ter sido alvo de 3 pedidos de prisão preventiva, inclusive, pela Procuradoria da República em Mato Grosso do Sul “sob argumento de que pratica reiteradamente calúnias e difamações”.

Na lista de ações populares ajuizadas pelo presidente da ONG Brasil Verdade, há acusações contra juiz federal, delegados, diretores de presídios, da Secretaria de Segurança do Estado e ex-gestores da Delegacia Geral da Polícia Civil, por enriquecendo ilícito. Ele chegou a pedir o bloqueio de bens de envolvidos em supostos desvios de verbas da Segurança Pública.

Paulo Magalhães era uma metralhadora. Disparava criticas, principalmente, contra servidores públicos, políticos e integrantes da Polícia.

No dia 11 de junho, ele conseguiu, por exemplo, decisão favorável em ação popular que pedia a declaração de nulidade do pagamento dos plantões autorizados em 2006 e ressarcimento por parte dos beneficiados.

No dia 17 também deste mês, ingressou com ação de improbidade contra o Ministério Público Estadual, por considerar que o MPE usa "técnicas não convencionais com o fim de evitar que autoridades ocupantes de cargos de importância na administração pública ou com influência política exacerbada não se vissem processadas por prática de atos de improbidade, mormente aqueles que acarretam prejuízo ao erário e, consequentemente, em face dessa inércia, inviabilizando a recuperação daquilo que porventura tenha sido fraudulentamente apropriado em prejuízo ao erário".

O processo foi resultado de outra pedido de investigação, mas arquivado pelo MPE para "tomar providência no sentido de combater atos de peculato em tese cometidos no âmbito da Secretaria de Justiça e Segurança Pública relativos ao desvio de milhares de reais disponibilizados para compra de combustível".

Ele também assinava artigos com títulos do tipo: "A corrupção do Brasil começa em Piraputanga", "Improbidade Administrativa em Terenos/MS", "SEJUSP sem comando". Em 2012 entrou, inclusive, com pedido de instauração de investigação para apurar o valor da remuneração dos deputados estaduais sul-mato-grossenses.

No blog da ONG, alguns episódios são lembrados, como a censura do livro “Conspiração Federal” , onde defende cinco agentes penitenciários federais que denunciaram a existência de câmeras clandestinas instaladas nas celas destinadas aos encontros íntimos dos presos da Penitenciária Federal de Campo Grande e inúmeras outras irregularidades no local, a mando de juiz federal.

Eventos de Natal, inauguração de igreja e obras interditam 9 ruas na Capital
A Agetran (Agência Municial de Transporte e Trânsito) informa que pelo menos 9 ruas terão o tráfego impedido neste domingo (17) em Campo Grande. O fe...
Bandidos armados com faca usam carro prata para assaltar vítimas
Dois homens armados com faca em um carro prata - com placas HTI-8594 - assaltaram ao menos duas vítimas, na madrugada deste domingo (17), no Bairro C...


Será que o portal I9 de propriedade de Antonio Fabiano e Daria Leon que também
eram amigos do Carvalinho não poderiam contribuir com a policia pois dizem que eles sabem de muita coisa.
 
Verdadeiro ou falso em 25/07/2013 20:25:15
Quando aparece um homen de coragem para falar certas verdades sobre essa corja que ele denunciava, logo é apagado, e pelo visto vai ficar impune o salafrário que cometeu mais essa covardia e sabe se la quantas outras atrocidades, sera que as autoridades responsáveis para elucidar esse caso estão trabalhando no caso ou....

Aroldo T. Lira.
 
Aroldo Tavares Lira em 29/06/2013 21:47:39
O Brasil e o Estado perdem uma grande pessoa que lutava por justiça!
Os bons se vão e ficam os corruptos!
 
Thiago Faria em 26/06/2013 15:57:09
Querido professor, deixou bons ensinamentos em minha graduação.. meus sentimentos a família.. que Deus conforte vossos corações
 
Leonardo Martins em 26/06/2013 00:01:25
Com cteza foi mais um a jogar a m...no ventilador....etaaaa MS véio, nas velhas práticas da pistolagem...com cteza ele tocou na ramificação cancerosa, da teia pública...SÓ PELO FATO DE TEREM MATADO O CARA, JÁ NOS DÁ A CTEZA DE QUE TD QUE ELE FALAVA É VERDADE...SE NÃO FOSSE TAVA AI FALANDO SOZINHO!SE ESCONDEM DOS HOMENS, DE DEUS NUNCA!
 
Aline Amaral em 25/06/2013 21:46:43
QUE ABSURDO! CRIME ENCOMENDADO, E PROVAVELMENTE POR SERVIDOR PÚBLICO CORRUPTO! QUE NOJO DE QUEM FEZ ISSO.
 
WALTER PEDRO em 25/06/2013 20:18:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions