ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUARTA  22    CAMPO GRANDE 24º

Capital

PF busca financiadores de invasão em Brasília

No Estado serão cumpridos dois mandados de busca e apreensão; esta é a 16ª fase da operação da PF no país

Bruna Marques | 05/09/2023 06:24
Polícia Federal nas ruas em outras fases da Operação Lesa Pátria. (Foto: Divulgação/PF)
Polícia Federal nas ruas em outras fases da Operação Lesa Pátria. (Foto: Divulgação/PF)

A Polícia Federal cumpre, na manhã desta terça-feira (5), dois mandados de busca e apreensão em Mato Grosso do Sul. O objetivo é identificar pessoas que financiaram e fomentaram os atos antidemocráticos de 8 de janeiro contra o prédio dos Três Poderes, em Brasília (DF), quando o Palácio do Planalto, o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal foram invadidos.

Ao todo, serão cumpridos 53 mandados de busca e apreensão, expedidos pelo Supremo Tribunal Federal, em São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Tocantins, Ceará e Minas Gerais.

A reportagem apurou que, em Mato Grosso do Sul, estão sendo investigados nesta fase os financiadores dos ônibus que transportaram os grupos para Brasília.

Em nota, a Polícia Federal informou que os alvos são investigados pelos crimes de abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de Estado, dano qualificado, associação criminosa, incitação ao crime, destruição e deterioração ou inutilização de bem especialmente protegido.

Foi determinado o bloqueio de bens, ativos e valores dos investigados. Apura-se que os valores dos danos causados ao patrimônio público possam chegar a R$ 40 milhões.

Operação Lesa Pátria - As investigações continuam em curso, e a Operação Lesa Pátria está em sua 16ª fase, se tornando permanente, com atualizações periódicas acerca do número de mandados judiciais expedidos, pessoas capturadas e foragidas.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para entrar na lista VIP do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias