A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

10/09/2014 12:31

Polícia ouve mais pessoas sobre caso de mulher que tentou matar o filho

Renan Nucci

A DEPCA (Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente) segue com as investigações do caso em que uma estudante de medicina, de 36 anos, é suspeita de tentar matar o filho de três anos, em Campo Grande. Ainda nesta semana devem ser ouvidos testemunhas e familiares dos envolvidos.

O fato foi registrado no último dia 30. Na ocasião, a avó flagrou a estudante colocando um comprimido dissolvido na boca do menino que estava inconsciente, e impediu a ação. A criança foi resgatada e levada para o Hospital Regional, onde recebeu os primeiros socorros.

De acordo com a delegada, a mãe disse em depoimento que estava dando remédio para curar a febre do filho, e que ele estaria desacordado porque havia ingerido, por conta própria, medicamento fitoterápico usado como calmante. Exames devem apontar se ela administrou superdosagem de remédio na criança.

“Vamos esperar o resultado dos exames, mas continuamos com as investigações. Os trabalhos não pararam. Mais testemunhas devem prestar esclarecimentos”, explicou a delegada. A mulher vai responder pelo inquérito em liberdade. O fato foi registrado pela DEPCA como tentativa de homicídio.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions