ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUINTA  04    CAMPO GRANDE 23º

Capital

Polícia prende 10 acusados de matar investigador da Derf em emboscada

Por Graziela Rezende | 29/01/2014 07:58
Polícia divulgou foto de um dos suspeitos. Foto: Divulgação PC
Polícia divulgou foto de um dos suspeitos. Foto: Divulgação PC

A Polícia Civil prendeu todo o grupo que estava em uma casa no Jardim Campo Nobre e rendeu dois investigadores na madrugada desta quarta-feira (29), durante uma “emboscada” na qual o policial da Derf (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos), Dirceu Rodrigues dos Santos, 38 anos, foi morto por bandidos. Ele ia completar oito anos de carreira no dia 1º de fevereiro deste ano.

“Nós prendemos todos os envolvidos durante a madrugada. São ao todo 10 presos, inclusive o que atirou no nosso policial. Já o policial Osmar, que foi muito agredido, está internado em um hospital particular da cidade. Ele estava com muita dificuldade para respirar, sentindo dores”, afirma o delegado.

Nesta manhã, dezenas de policiais e familiares se aglomeram na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do bairro Piratininga.

Morte - Dirceu foi baleado e os bandidos ainda levaram o carro onde ele estava, segundo informações preliminares. Ele estaria em um veículo particular quando foi feito refém. As Polícias Militar, Civil e Rodoviária Federal foram mobilizadas para achar os responsáveis pela morte do investigador.

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) fechou as saídas da cidade, para evitar a fuga dos bandidos. A perícia foi chamada para atender a ocorrência. Dirceu foi alvejado duas vezes na cabeça. Já Osmar teve a arma tomada pelo bando.