A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

17/08/2015 11:31

Polícia prende condenado por estupro, acusado de tentativa de homicídio

Luana Rodrigues e Filipe Prado
Carlos Divino Rocha Neto, 44 anos, foi preso pela polícia na última sexta-feira(14).  (Foto: Fernando Antunes)Carlos Divino Rocha Neto, 44 anos, foi preso pela polícia na última sexta-feira(14). (Foto: Fernando Antunes)
Delegado titular da 2ª Delegacia de Polícia Civil, Alexandre Evangelista (Foto: Fernando Antunes)Delegado titular da 2ª Delegacia de Polícia Civil, Alexandre Evangelista (Foto: Fernando Antunes)

Procurado após ser condenado a 27 anos de prisão por estuprar uma mulher em Goiás, e também por tentar matar um homem há um ano, em Campo Grande, Carlos Divino Rocha Neto, 44 anos, foi preso pela polícia na última sexta-feira(14). Ele estava escondido na chácara Celeste, na Vila Marli, em Campo Grande, onde praticou o segundo crime.

Conforme o delegado titular da 2ª Delegacia de Polícia Civil, Alexandre Evangelista, a polícia estava investigando a tentativa de homicídio de um rapaz de 24 anos, ocorrida em 17 de agosto de 2014. Na investigação, os policiais descobriram que o suspeito estava sendo procurado em Goiás, pois havia sido condenado a 27 anos e 45 dias de prisão, por estupro e furto, praticados em 2011. Ele também responde por outro estupro que teria ocorrido em 1988, quando ele tinha 17 anos, além de quatro fugas de presídios, em 2002, 2009, 2010, 2011.

Em apresentação na manhã de hoje(17), o criminoso negou os crime de estupro e disse que não se passaram de armações. Sobre a tentativa de homicídio, ele disse que provocado pela própria vítima. "Ele me empurrou e veio para cima de mim", contou.

Os dois teriam brigado depois de Carlos suspeitar que a ex-mulher da vítima teria roubada certa quantia de dinheiro dele. Na época, o autor foi até a casa da vítima cobrar satisfações, os dois discutiram, então ele esfaqueou o homem.

A polícia ainda não sabe se Carlos será mantido preso em Campo Grande, ou se será encaminhado para Goiás. Neste momento ele está detido na 2ª Delegacia de Polícia Civil.

Prefeitura e TJ prorrogam renegociação de dívidas ajuizadas até 3ª
O programa de refinanciamento de dívidas da Prefeitura de Campo Grande foi prorrogado até o dia 19 de dezembro, a próxima terça-feira, no Centro de C...
Homem tem corpo queimado em acidente doméstico e morre na Santa Casa
Após dois dias internado, José Loureiro da Cruz, 49 anos, morreu por volta das 6h30 desta sexta-feira (15) na Santa Casa em decorrência de acidente d...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions