A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 17 de Janeiro de 2018

19/03/2011 08:42

Polícia suspeita que quadrilha tenha roubado mais seis veículos

Jorge Almoas e Fabiano Arruda
Vantuir (camisa rosa), Wilberson (de preto), Theomar e Naywasany foram presos na madrugada de hoje no Nova Lima (Foto: Simão Nogueira)Vantuir (camisa rosa), Wilberson (de preto), Theomar e Naywasany foram presos na madrugada de hoje no Nova Lima (Foto: Simão Nogueira)

A quadrilha presa neste sábado em Campo Grande, que sequestrou um coronel da reserva da PM, é suspeita de ter roubado 6 caminhonetes, que eram vendidas na fronteira.

Na noite de ontem, por volta das 22 horas, o coronel da reserva da PM Roberto Francisco de Souza, acompanhado dos amigos Carlos Ernani Schadler, de 42 anos, e Paulo Eduardo Rocchi Rodrigues, de 56 anos, foram abordados pela quadrilha dentro de um restaurante na Avenida Coronel Antonino.

Ontem à noite, a esposa do proprietário do restaurante estranhou a demora do marido em chegar em casa e foi até o estabelecimento. Ao chegar, percebeu o local aberto e fez denúncia na polícia sob um possível sequestro.

Os sequestradores obrigaram os reféns a entraram na caminhonete Toyota Hilux, de placas HSJ-0261, quando foram levados por dois sequestradores armados para um cativeiro na saída para Rochedinho.

Os reféns foram mantidos no lugar por aproximadamente três horas, tempo suficiente para que o veículo roubado fosse levado para Ponta Porã por outro membro da quadrilha.

Quadrilha foi apresentada pela manhã.Quadrilha foi apresentada pela manhã.

Os sequestradores são Theomar Novas Monteiro, de 21 anos; Wilberson de Assis Ojeda, de 20 anos; e Vantuir da Silva Nunes de Assis, de 34 anos. Theomar era o motorista do Gol Vermelho utilizado como apoio da quadrilha.

Enquanto estava no cativeiro, o coronel PM ouviu o nome de um dos seqüestradores e a descrição do Gol vermelho. Ao ser libertado, passou as informações para a polícia, que realizou buscas e localizou o veículo em uma casa do bairro Nova Lima.

Nesta residência, foram presas Naywasany Fernandes da Costa, de 20 anos, e uma adolescente de 16 anos. Eles apontaram outra residência, onde estavam os outros três seqüestradores.

Um quarto integrante da quadrilha foi preso pela PRE (Polícia Rodoviária Estadual) próximo a Fazenda Itamarati, na região de Ponta Porã. Ele disse, durante a abordagem, que era policial. Mas em checagem, foi constatado o roubo da caminhonete.

O motorista do veículo roubado está sendo trazido para Campo Grande.



o de camiseta preta e marido da safada da mulher de blusa vermelha. mora no vida nova na rua colider, entre timbau e santo augusto.
 
joelma dias em 19/03/2011 12:44:58
A polícia só trabalha quando quer mesmo... Porque nao prenderam os sequestradores nos crimes anteriores ? Só porque a vitima foi um ex-coronel a policia resolveu trabalhar. Isso é Brasil !
 
Jose Luis em 19/03/2011 12:15:13
Parabéns PM... é isso aí...ainda bem que vocês "derrubaram a casa" desses bandidos e foram direto para o outro endereço prender os demais bandidos!!!
 
laercio souza em 19/03/2011 09:58:45
e depois dizem que há investimentos em segurança pública. não tem policial na rua, a criminalidade não respeita nem a polícia. a coisa tá pior do que se imagina.
 
otavio mello em 19/03/2011 09:16:12
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions