A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

03/12/2013 15:37

Posto repassa reajuste maior e preço da gasolina surpreende consumidor

Luciana Brazil
Consumidor já paga mais caro mais abastecer o carro. (Fotos: Marcos Ermínio)Consumidor já paga mais caro mais abastecer o carro. (Fotos: Marcos Ermínio)

Com o reajuste no preço dos combustíveis, anunciado na sexta-feira (30), pela Petrobras, a gasolina e o óleo diesel já começam a ser vendidos mais caros em Campo Grande. Em alguns postos o valor da gasolina chega a R$ 3,15, e o óleo diesel já é comercializado entre R$ 2,59 e R$ 2,99. Os preços surpreenderam os consumidores que esperavam um valor menor.

Na Capital, nem mesmo os postos que costumam trabalhar com estoques altos mantiveram o preço anterior. Nas refinarias, a gasolina e o óleo diesel tiveram reajuste de 4 e 8%, respectivamente. Para o consumidor o reajuste parece ser ainda maior.

“Não tem como segurar o preço. Na hora de comprar a gasolina, os pedidos já são feitos com o reajuste”, explicou o gerente do posto Petrobras, localizado na Avenida Mato Grosso com a Rua 25 de Dezembro, Evaldo Rosário, 39 anos.

Ele lembra que se os estoques no posto estivessem altos, talvez o reajuste pudesse tardar um pouco mais.
No posto da Avenida Afonso Pena com a Rua 13 de Maio a gasolina está à venda por R$ 3,12 e o óleo diesel por R$ 2,59. Conforme o gerente do estabelecimento Militão Renovato Pires, mesmo com os estoques altos, o reajuste foi repassado ao consumidor.

Na manhã de hoje (3), o Campo Grande News apurou os preços em alguns postos no centro da cidade. A gasolina mais barata era vendida por R$ 3,09 e a mais cara era comercializada por R$ 3,15. O valor médio foi de R$ 3,14.

Já o óleo diesel mais caro, encontrado pela reportagem, está à venda por R$ 2,99, e o mais barato é vendido por R$ 2,59.

Consumidores- “A gasolina é roubo do governo. Não adianta reclamar. Agora na hora de subir o salário mínimo, é uma mixaria. E o problema é que com o petróleo mais caro sobe tudo, porque as mercadorias precisam de transporte”, disse o operador de almoxarifado, Vagner Gomes, 62.

Para o vendedor Leandro Espíndola, 31, o reajuste foi razoável. “Mais de R$ 0,10 centavos em alguns postos. Se a gente abastece um pouco a gente não sente, mas se coloca muito a gente percebe o reajuste”, lembrou.

Leandro diz que combustível poderia ser vendido mais barato. Leandro diz que combustível poderia ser vendido mais barato.

Abastecendo o veículo de duas a três vezes por semana, para viajar pelo interior, ele acredita que o governo tem condições de diminuir o preço. “A gente exporta para poder comprar. Temos condições de vender o combustível mais barato. Já comecei a usar a moto”, finaliza falando da economia que já começou a fazer.

Anúncio- O aumento do combustível era para ser anunciado o início do segundo semestre, mas a companhia e o próprio governo federal decidiram adiar o reajuste para já divulgar a mudança nos preços atendendo a uma nova política implementada pela Petrobras.

A metodologia pretende assegurar que os indicadores de endividamento e alavancagem da Petrobras retornem aos limites estabelecidos no Plano de Negócios 2013-2017 em até 24 meses, considerando o crescimento da produção de petróleo e a aplicação da política de preços de combustíveis, segundo nota divulgada pela empresa.

No entanto, o mercado aposta é de que não deve ocorrer novo reajuste na gasolia em 2014 em decorrência das eleições gerais de outubro.



Vania Drosghic, é a cobiça dos donos de postos de gasolina...

"E o povão fala em reeleger essa Dilma, toma povinho!"
Faço de suas, as minhas palavras!
 
Karina Rosa em 04/12/2013 15:04:31
REPITAM COMIGO:
"E VIVA A DILMA,....E VIVA O PT......E VIVA O COMBUSTIVEL MAIS CARO DO MUNDO, NUM PAÍS PRATICAMENTE AUTO SUFICIENTE EM PETROLEO,"
Existe alguma forma de não colaborarmos com isso???? ALguma forma que não seja andar a pé!!!
 
Aislan Massoni em 04/12/2013 08:59:16
Enquanto não acabar o monopólio do petróleo e novas fontes de energia tiverem espaço no mercado, a população consumidora irá sofrer até o último instante. Temos tecnologia para inúmeras fontes sustentáveis e de baixo custo. Mas isso não interessa ao governo, que lucra milhões com a industria do petróleo que só prejudica o planeta e nossos bolsos. Nos restas protestar e boicotar esses!!!!!!
 
Felipe Theodoro em 04/12/2013 08:22:39
Na verdade, a gasolina é subsidiada, se acompanhasse os preços internacionais seria mais cara ainda, porém a carga tributária em cima, como ICMS de 17% sobre o diesel por exemplo, encarece mais ainda, e ainda tem PIS, COFINS, CID... aff.
 
joao de deus em 04/12/2013 08:17:46
Monopólio só serve pra isso!
colocam o preço que querem e o povo é o que sai sempre prejudicado!
 
William Vilela em 04/12/2013 08:03:55
Aqui no posto BR subindo a pequena rotatória (na Mata do Jacinto) que fica em frente ao parque Soter a gasolina ainda está 2,93 abasteci hoje!!
Vamos aproveitar!!!!!
 
maria paulo em 04/12/2013 08:01:46
E o povão fala em reeleger essa Dilma, toma povinho
 
eraldo afonso bento em 04/12/2013 07:02:40
que vergonha, principalmente quando colocam a venda veiculos flex, sendo que nao temos opcao, em um Estado produtor da cana e alcool em abundância, flex quer dizer roubo, veiculos com preço acima da qualidade do produto e da disponibilidade do combustivel...
 
ILSON GONCALVES FERREIRA em 03/12/2013 23:58:12
Alguém sabe explicar porque o preço do etanol também subiu? Achei que iam ser só a gasolina e diesel. Lugar nenhum fala de etanol mas subiu junto!
 
Diego Silva em 03/12/2013 22:24:35
Como diz o Tadeu Schimidt do Globo Esporte... sabe no isso vai dá? Em nada. Pois quem está por traz de tudo isso já sabe que não dá em nada mesmo.
 
Carlos José em 03/12/2013 21:38:54
O jeito é irmos para as ruas novamente com muito mais forças do antes principalmente em campo grande onde existe um cartel muito forte e o ministério público dormindo como sempre,Acordaaaaaa,estão dormindo ou se fazendo de desentendido e deixando cada vez mais o povo campograndense nas mãos desses que dominam e controlam a maioria dos postos aqui em Campo Grande.O presidente do sindicato dos postos daqui é dono da maioria deles.
Taí o controle que o Brasil tem.
O PT está em alta,Dilma cresce nas pesquisa e a resposta é essa,Vamos tirar o coro desses trouxas.
As eleições estão chegando vamos continuar votando nos mesmos ou vamos mudar geral:
GENTE NOVA
CARA NOVA
TUDO NOVO
Já erramos bastante está na hora de mudar.Vamos trocar tudo,chega dessas raposas velhas.
 
EVANGELISTA LAURINDO FERREIRA em 03/12/2013 21:33:47
É uma vergonha o cartel que domina os preços dos combustíveis no Mato Grosso do Sul. São meia dúzia de empresários, donos de quase todos os postos no estado, que ditam os preços, e os empresários menores tem que acompanhar, senão sofrem retaliações. E não adianta falar de ICMS, que no caso da gasolina e do etanol é o mesmo que o dos estados vizinhos. Outra balela é a alíquota do óleo diesel, que aqui é maior em 5%. Mas pode somar os 5% em cima do valor do preço final dos outros estados, que aqui o preço é em média 10% superior. Vejam bem, eu disse VALOR FINAL, e não da base de cálculo para o ICMS, que é bem menor que o valor da bomba. Por isso, façam como eu: sempre que puderem, abasteçam seus veículos em outros estados.
 
Adriano Roberto dos Santos em 03/12/2013 21:18:05
Pessoal, evitem postos da Petrobrás. Não é corrente ou uma reivindicação. Apenas por observação, notei que os mais caros são sempre os desta bandeira. As bandeiras Shell, Taurus e Ipiranga tem tido preços mais acessíveis. Estas redes tem implementado uma série de procedimentos para evitar fraldes e adulteração, visto que estes casos ferem a imagem da marca também.
Particularmente abasteço em um posto do anel rodoviário, conheço os donos e sei que lá posso confiar. Enquanto a Máfia Petrobrás pedia já em torno de R$2,95, abastecia lá por R$ 2,79. Quem for da região do Itamaracá e quiser tentar, o posto é o AMÉRICA e após o aumento o valor passou para R$2,94.
 
Williams Piato em 03/12/2013 20:56:13
dizem que cartel é crime
mas quando vc ve que todos os postos estão tabelados descobre que a constituição é lixo no Brasil, somos auto suficientes e pagamos mais caro que os EUA
vai entender, depois que o governo anunciou que os royalties do petroleo seria utilizados para a saude agora virou festa aumentar o valor do imposto
viva ao pais que sem corrupção seria o melhor lugar de se viver do mundo
 
Luan Sato em 03/12/2013 19:45:03
Cade u povo nas ruas..????
 
claudio ramos em 03/12/2013 18:07:31
Isso é porque temos o pré-sal e uma empresa gigantesca de petróleo..
 
Fernando Andrade em 03/12/2013 17:45:42
É sempre os postos da rede Petrobras, que costumam ferrar o consumidor... sempre como a Petrobras... que faz... cortesia com o chapéu do consumidor... patrocina o mundo todo e quase nunca nada no Brasil; aqui somente o ferro no consumidor..
 
Renato Dutra em 03/12/2013 17:23:16
E viva o PT!!! #SQN
 
Dennis JunioR em 03/12/2013 17:04:49
no posto que fica na av. guaicurus próximo ao Iraci coelho a gasolina está 2,99 abasteci ontem
 
FRANCISCO MOREIRA em 03/12/2013 16:50:35
Em um País que produz petróleo e Álcool, não da para entender o absurdo dos preços altos; e o pré sal??????? aí dizem que a inflação está controlada, aumenta o salário e as coisas dobram de preço, a Luz e a água nem se fala, queria que um político vivesse com um salário mínimo para ver se ele realmente tem a arte de governar.
 
Roni Oliveira em 03/12/2013 16:35:24
É difícil para todos, agora tivemos um "reajuste" em Maio ou Junho desse ano só
aqui em Campo Grande, era hora do ministério público, a imprensa entre outros,
correrem atrás para saber o real motivo dessa majoração, pois pagamos um dos
valores mais altos do país, por conta do ICMS estadual.
 
Victor Antunes em 03/12/2013 16:18:31
Absurdo o preço da gasolina, abasteci em Aquidauana no domingo, já havia acontecido o aumento e paguei 2,74, o cartel dos postos de Campo Grande acabam com o bolso dos consumidores, em São Paulo abasteci a R$ 2,38, sim é isso mesmo, no mes passado, inicio de novembro, agora me fala o Sr. governador Andre e seu ICMS vão acabar quebrando o nosso estado, eu vou começar a trabalhar de bicicleta porque nem de Biz tá dando pra aguentar, a máfia da gasolina tinha que acabar, o posto da Mato Grosso com a 25 é o segundo posto mais caro de Campo Grande, só perde pro posto Tereré que fica em frente ao Shopping Campo Grande.
 
Maximiliano Nahas em 03/12/2013 16:17:44
Foi informado aumento de preços da gasolina e do diesel, mas qual não foi minha surpresa ao abastecer com etanol e ver que o mesmo também tinha seu preço majorado. Perguntei à frentista, à atendente de caixa e nenhuma soube me informar o motivo. Alguém sabe me informar?
 
Vania Drosghic em 03/12/2013 16:15:10
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions