A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 20 de Setembro de 2017

09/08/2017 10:15

Prefeitura aumenta R$ 1,8 milhão em contratos de operação tapa-buraco

Foram aditivados três contratos que passarão a custar R$ 3,7 milhões, R$ 2,4 milhões e R$ 2,9 milhões

Richelieu de Carlo
Trabalhadores tapam buraco em rua da Capital. (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)Trabalhadores tapam buraco em rua da Capital. (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)

A Prefeitura Municipal de Campo Grande aumentou em R$ 1,8 milhão em três contratos com empresas que executam serviços de tapa-buraco em ruas e avenidas de três zonas urbanas da Capital. Os acordos iniciais foram assinados em março de 2017.

Os termos aditivos foram publicados na edição desta quarta-feira (9) do Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) e assinados pelo secretário municipal de Infraestrutura, Rudi Fiorese.

A empresa Engepar Engenharia e Participações executa o serviço na região urbana do Prosa, teve o valor aditivado em R$ 742 mil, e passou de R$ 2,9 milhões para R$ 3,7 milhões.

Já o contrato com a Gradual Engenharia teve um acréscimo de R$ 493 mil, passando de R$ 1,9 milhões para R$ 2,4 milhões para obras na Lagoa.

A Pavitec Construtora, que realiza os trabalhos no Imbirussu, vai receber R$ 581 mil a mais, saindo de R$ 2,3 milhões para R$ 2,9 milhões em seu acordo com o município.

Estes três contratos fazem parte de um total de sete firmados pela Prefeitura de Campo Grande para execução do serviço, cujo valor inicial era de R$ 19,5 milhões, fruto de verbas do convênio com o Governo de Mato Grosso do Sul.
Os convênios são para “execução de obras, visando à manutenção de vias públicas, reconstituição de pavimento asfáltico, com fornecimento de CBUQ para recomposição de pavimento (tapaburacos)”.

A Equipe Engenharia Ltda tem o maior contrato, responsável pelo serviço de tapa-buraco da região urbana do Centro, com R$ 3,8 milhões. A MR & JR Locação de Máquinas e Equipamentos trabalha na região do Bandeira por R$ 2,7 milhões.

Por R$ 3,1 milhões, Transenge Engenharia e Construções tapa buracos da região urbana do Anhanduizinho. A região do Segredo passa por obras de tapa-burco que serão executadas pela EBS – Empresa Brasileira de Saneamento. O preço deste contrato é de R$ 2,6 milhões.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions