A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

08/05/2018 19:39

Prefeitura confirma licitação para asfaltar 14 ruas do Residencial Bellinati

Obras orçadas em R$ 1,95 milhões também incluem recapeamento de trecho da avenida Wanderlei Pavão; investimento terá recursos federais e do Estado

Humberto Marques
Prefeitura prevê pavimentar 13 ruas e uma travessa no Residencial Bellinati. (Foto: PMCG/Divulgação)Prefeitura prevê pavimentar 13 ruas e uma travessa no Residencial Bellinati. (Foto: PMCG/Divulgação)

A Prefeitura de Campo Grande lançou nesta terça-feira (8) edital de licitação para a conclusão das obras de drenagem e pavimentação do Residencial Bellinati –ao lado do Ana Maria do Couto, região oeste da Capital. O investimento no local chegará a R$ 1,95 milhão em recursos do PAC-Pavimentação e contrapartida vinda de parceria com o governo estadual, de R$ 196 mil..

As obras preveem 640 metros de drenagem e 2,4 quilômetros de pavimentação em 14 vias: as ruas Margarida Machado, Edward Quirino Lacerda, Antônio Canovas, Alberto de Almeida Junior, Altino Almeida Salgado, Colhereiros, Mutum, Francisco Terra, Pindaré, Ivolândia, Morro do Pilar, Glauber Rocha e Mario D’Avila e a travessa Antonio Serra Silvério.

O trecho da avenida Wanderlei Pavão entre as avenidas Júlio de Castilho e Professor José Barbosa Rodrigues, em uma extensão de quase um quilômetro, passará por recapeamento. A via é um dos principais acessos ao Jardim Aeroporto.

As obras do Complexo Bellinati foram lançadas em 2014 e interrompidas há três anos, quando 31% do projeto havia sido executado. Segundo informações do Paço Municipal, a empreiteira que havia vencido a concorrência pediu a rescisão do contrato, e as outras qualificadas não demonstraram interesse em assumir o empreendimento.

O resultado foi a obra inacabada em alguns trechos e sequer iniciada em outros. Na rua Morro Pilar, por exemplo, há trechos asfaltados, mas sem meio-fio, calçada e sinalização. No trecho entre a Julio de Castilho e a rua Francisco Torraca Bellinati, metade da pista tem asfalto, enquanto no restante foi feito apenas a imprimação –estágio anterior à pavimentação.

Na Francisco Bellinati, fortes chuvas e enxurradas em 2015 arrancaram o pavimento no trecho que havia sido melhorado. Com as chuvas seguintes, a via foi tomada por crateras –que recebeu cascalhamento no ano passado.

Diante dessa situação, foi necessária uma nova licitação. As propostas devem ser abertas em 7 de junho.

Governo libera R$ 3,8 milhões para pavimentação em quatro cidades
A Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) publicou, nesta terça-feira (8), resultado de licitações para pavimentação, drenagem e recap...
Obras de drenagem e pavimentação fecham a Brilhante em dois pontos
Dois trechos da Rua Brilhante serão interditados, na quinta-feira (26), em decorrência de obras para a implantação do corredor sudoeste do transporte...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions