A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

30/05/2018 11:10

Prefeitura estima perda de R$ 15 milhões com greve dos caminhoneiros

Em receita de ICMS, conforme o secretário de finanças Pedro Pedrossian Neto, pode ocorrer eventual redução de até 15%

Kleber Clajus
Marquinhos Trad em entrevista (Foto: Kleber Clajus)Marquinhos Trad em entrevista (Foto: Kleber Clajus)

A Prefeitura de Campo Grande estima prejuízo de R$ 15 milhões no repasse de recursos estaduais e federais em decorrência da greve dos caminhoneiros. Dado foi informado pelo prefeito Marquinhos Trad (PSD) em agenda pública na manhã desta quarta-feira (30).

“São R$ 15 milhões e tudo depende do impacto financeiro [causado pela greve] na União e estados”, explicou Trad, durante visita técnica às obras da rede de esgoto no Santa Luzia.

Em receita de ICMS (Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços), conforme o secretário de finanças Pedro Pedrossian Neto, pode ocorrer eventual redução de até 15% dentre os R$ 30 milhões repassados mensalmente ao município.

No décimo dia de paralisação, o movimento começou a dispersar-se em Mato Grosso do Sul. Houve no período desabastecimento de combustíveis e indústrias suspenderam suas atividades ao ter matéria-prima e produtos retidos nas rodovias. O governo estadual teria sinalizado compromisso de reduzir o preço do diesel, condicionado ao fim do movimento.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions