A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

27/04/2018 17:54

Prefeitura inicia última fase de obras de drenagem no Parque dos Poderes

Serviço faz parte da etapa D do Complexo Mata do Jacinto e levará a interdições da avenida Desembargador Leão Neto do Carmo

Humberto Marques
Prefeitura realiza escavações para implantar rede de drenagem na Leão Neto do Carmo. (Foto: PMCG/Divulgação)Prefeitura realiza escavações para implantar rede de drenagem na Leão Neto do Carmo. (Foto: PMCG/Divulgação)

A Prefeitura de Campo Grande iniciou nesta sexta-feira (27) a última fase das obras de drenagem na avenida Desembargador Leão Neto do Carmo, na região do Parque dos Poderes. Em uma extensão de 700 metros, a intervenção visa a interligar as redes já existentes que recebem águas pluviais do Residencial Eco Parque e do Jardim Futurista.

As interdições no local tiveram início no último sábado (21), quando o trânsito na avenida foi interrompido na pista do sentido bairro-centro da avenida Mato Grosso –onde foram instalados 16 metros de tubulação.

Na manhã desta sexta-feira o trânsito foi interditado na Leão Neto do Carmo entre as ruas Chafica Fatuche Abussafi (próximo à rotatória da rua Jamil Felix Naglis) e na rua Delegado Carlos de Oliveira (na rua lateral da Receita Federal). A via dá acesso a diferentes repartições públicas e ao campus da Uniderp Agrárias, após o anel rodoviário.

Com a avenida fechada, a opção para quem precisar chegar a locais como a Justiça Federal, TRT (Tribunal Regional do Trabalho) e a Receita é a rua Lise Rose, paralela à Leão Neto do Carmo.

A fim de evitar o impacto da interdição, a obra será implantada em três etapas –a segunda fase envolverá o trecho entre a Delegado Carlos de Oliveira e a Delegado Osmar Campos.

Mata do Jacinto – A obra faz parte da rede de drenagem prevista na etapa D do Complexo Mata do Jacinto, que levará a água de enxurradas da região para um piscinão nos altos da avenida Mato Grosso. Na região, ela já envolveu o trecho da Leão Neto do Carmo até o comando da Polícia Militar, Acadepol (Academia de Polícia Civil) e a rua Rio Claro.

As obras também envolveram o recapeamento das avenidas Mato Grosso, Hiroshima e Leão Neto do Carmo, Aracruz, Santa Luzia, Rio Claro e Antônio Maria Coelho, além da abertura da avenida Rui Garcia Dias (a avenida dos Poderes).

São investidos em torno de R$ 11 milhões na última fase do complexo, que inclui intervenções para controle de enchente, pavimentação e um piscinão com capacidade para 22 milhões de litros. São aproximadamente 4 quilômetros de drenagem.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions