ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, TERÇA  28    CAMPO GRANDE 22º

Capital

Prefeitura oficializa 'novo padrão' e regra sobre testemunhas de tapa-buraco

Podem ser moradores ou pessoas que estejam perto do local de trabalho; serviço deve ser feito por solicitação da população ou detectado pelo encarregado da equipe

Por Yarima Mecchi | 09/01/2017 14:49
Nesta manhã serviço de tapa buraco foi realizado na Avenida Marquês de Bombal. (Foto: Richelieu de Carlo)
Nesta manhã serviço de tapa buraco foi realizado na Avenida Marquês de Bombal. (Foto: Richelieu de Carlo)

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) oficializou nesta segunda-feira (9) as normas que regulamentam o tapa-buraco em Campo Grande. Como havia anunciado na primeira semana de gestão, quando o serviço for realizado, duas pessoas que estiverem próximo ao local terão de assinar como testemunhas.

De acordo com a publicação do Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) de hoje, as testemunhas podem ser moradores ou pessoas que trabalhem ou estejam perto do local de trabalho. Elas devem ser identificadas e o local também.

Além das testemunhas, a norma pede a limpeza do buraco, removendo a base comprometida até atingir o solo compactado para depois ele ser tapado. A necessidade do serviço deve ser por solicitação da população ou detectada pelo encarregado da equipe.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário