ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUARTA  29    CAMPO GRANDE 10º

Capital

Prefeitura planejar recapear 61 km em corredores de ônibus da Capital

A estimativa é R$ 130 milhões em investimentos para obras durante três anos

Mayara Bueno | 06/08/2018 10:12
Homens trabalham na obra de pavimentação e drenagem no bairro Nova Lima, região  Norte de Campo Grande. (Foto: Kleber Clajus/Arquivo).
Homens trabalham na obra de pavimentação e drenagem no bairro Nova Lima, região Norte de Campo Grande. (Foto: Kleber Clajus/Arquivo).

A prefeitura de Campo Grande anunciou o planejamento de recapear 61,15 quilômetros de vias de corredores do transporte coletivo. O recurso investido pode chegar a R$ 130 milhões executados em três anos.

Segundo o município, o projeto contempla as avenidas Gury Marques, Costa e Silva, Calógeras, Mato Grosso e Cônsul Assaf Trad e Gunter Hans, além das ruas Rui Barbosa, 25 de Dezembro e Alegrete. Nestes locais, serão implantados, além do recapeamento, drenagem e faixas exclusivas para o trânsito de ônibus.

Para subsidiar os projetos, a prefeitura informa ter já disponível R$ 53 milhões, financiados pelo Projeto Mobilidade Urbana. Também há outra parcela de R$ 77 milhões de empréstimo de R$ 115 milhões do BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social). Estes R$ 77 milhões serão para completar investimentos previstos para execução de 36 dos 61 km previstos.

Ainda segundo o Executivo municipal, o financiamento do BNDES será destinado a obras de pavimentação e drenagem no Ria Vieira. Serão R$ 27 milhões para 27 km de asfalto. No Vilas Boas/Parque Dallas, a previsão é R$ 11 milhões para 11 km.

Na saída para São Paulo, está previsto recapeamento de 4,3 km da avenida Costa e Silva, a partir da rotatória da Coca-Cola até a Calógeras, com o custo R$ 8 milhões.

As obras na rua Rui Barbosa, 4 km de extensão, entre a rua Carlinda Tognini e a avenida Mato Grosso, estão orçadas em R$ 10 milhões. Na Avenida Coronel Antonino serão investidos R$ 4 milhões no trecho de 1,7 km entre a rua Bahia e a avenida Cônsul Assaf Trad.

Na rua Alegrete outros R$ 14 milhões. O custo é maior por causa do projeto de drenagem que eliminará os problemas de alagamento na região, afirma a prefeitura. Na 25 de Dezembro, a previsão é destinar R$ 5 milhões para recapear 2,07 km, da rua Alegrete até a avenida Afonso Pena.

Nos siga no Google Notícias