A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 10 de Dezembro de 2017

07/02/2011 19:42

Presidente Dilma Rousseff pode visitar a Expogrande 2011

Fabiano Arruda

Vinda de Dilma é articulada por Delcídio Amaral e Vander Loubet

Mesmo sem shows, após a proibição judicial quanto ao Parque de Exposições Laucídio Coelho, em Campo Grande, a Expogrande 2011 segue articulada e pode receber a visita da presidente Dilma Roussef (PT) na solenidade de abertura do evento, dia 14 de abril.

Baseado numa recomendação feita pelo deputado federal Vander Loubet (PT) e o senador Delcídio Amaral (PT), o presidente da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), Francisco Maia, deve enviar um convite oficial à presidente.

O contato preliminar será encaminhado pela bancada federal ao ministro Antônio Palocci.

Maia já afirmou que a 73ª edição da Expogrande será realizada mesmo com a proibição das atrações musicais.

O evento está agendado para ocorrer entre os dias 14 e 24 de abril no Parque de Exposições.

Segundo informações da Acrissul, no ano passado, então ministra-Chefe da Casa Civil, Dilma Roussef prometeu que participaria da Expogrande, caso eleita presidente da República.

"Como estamos vivendo um clima de extremamente favorável no agronegócio, com uma superssafra prestes a ser colhida e com os índices da pecuária em patamares nunca percebidos, acreditamos que a Presidente virá sim para a solenidade de abertura", afirmou Chico Maia, segundo sua assessoria.

Proibição - O TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) suspendeu, sob pena de multa de R$ 100 mil, a realização de shows, eventos e rodeios no Parque de Exposições Laucídio Coelho.

A Acrissul alega que não tem recursos para bancar uma reforma acústica no Parque de Exposições Laucídio Coelho. Do outro lado, a promotoria garante que a associação não foi pega de surpresa e que vinha sendo advertida sobre a necessidade das adequações desde outubro de 2008.

A esperança dos promotores de eventos para que os shows já agendados da Expogrande ocorram no Laucídio Coelho está numa audiência, marcada para esta terça-feira, na Câmara Municipal de Campo Grande.

Na ocasião, representantes da categoria e os vereadores vão discutir a implantação de um calendário que defina, não só a Expogrande, mas outros eventos como a festa junina Arraial Santo Antônio e as comemorações do aniversário da Capital, como evento tradicional na cidade.

Assim, encaixados como esporádicos por serem promovidos anualmente, os vereadores e promotores querem que as festas sejam consideradas exceção à Lei do Silêncio.



como diria o Jack Palace,, ACREDITE SE QUISER...
Dilma na Expogrande, duvido que ela venha prá comprar um boizinho do Maia.
Pão e circo para entorpecer o cérebro desse povo acostumado a se divertir pisando em bosta de vaca, e sentindo o aroma agradável de urina de boi enquanto escuta baladas românticas de Vitor e Léo.
Acorda Campo Grande !!
 
Amadeu Zeferino em 14/02/2011 11:51:08
Dilma? será q vem??pois a campanha eleitoral já acabou...to em duvidas heim......
 
Mari Marilene em 08/02/2011 10:58:25
Lembrem todos que no ano passado os organizadores da Expogrande usaram o pretexto de "FEIRA INTERNACIONAL" e disseram que iam atrair Evo Morales, Hugo Chavez e Lula. Tô esperando esses caras até hoje... agora esse papinho de convite pra Dilma? Tão querendo é ficar de boas com a opiniao publica, no meio dessa palhaçada que é violar a lei do silêncio. Por favor, não tente enganar o povo, Acrissul!
 
João Verdura em 07/02/2011 10:40:32
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions