A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

31/01/2011 19:15

Em reunião, promotores de evento fazem reivindicações a Puccinelli

Fabiano Arruda

Sete promotores de evento, além do vereador Vanderlei Cabeludo, participaram do encontro

Na sexta-feira, grupo esteve no MPE. (Foto: Fabiano Arruda)Na sexta-feira, grupo esteve no MPE. (Foto: Fabiano Arruda)

Sete promotores de evento, além do vereador de Campo Grande, Vanderlei Cabeludo (PMDB), reuniram-se nesta segunda-feira, por volta das 17 horas, com o governador André Puccinelli (PMDB), na governadoria. Também participaram do encontro o secretário de governo Osmar Jerônymo e a vice-governadora Simone Tebet (PMDB).

Segundo o promotor de eventos Gustavo Castelo, mais conhecido como Cegonha, o governador se mostrou parceiro com a categoria para encontrar uma alternativa ao Parque de Exposições Laucídio Coelho para realização de shows na Capital, na tentativa de resolver a “questão do entretenimento na cidade”.

“Até os próprios eventos do governo do Estado estão comprometidos com a interdição do Parque”, comentou.

Após a conversa, os promotores demonstraram otimismo. Cegonha afirmou que o governador sugeriu áreas do próprio Estado em Campo Grande. Revelou ainda que o mais importante é encontrar a área, em parceria com o governo e prefeitura.

“Queremos encontrar o terreno e, a partir daí, construir mínimas condições necessárias para realizar eventos. A construção demoraria em torno de seis meses”, acredita.

Para estar dentro das condições exigidas pelo MPE (Ministério Público Estadual), quanto à poluição sonora, o novo terreno deve estar localizado nas saídas do município.

Cegonha disse que a categoria deve voltar a conversar com o governador para discutir as opções de terreno levantadas. E que o secretário Osmar Jerônymo e a vice-governadora Simone Tebet serão os mediadores das conversas.

Ação - Na sexta-feira, promotores de evento garantiram que vão recorrer da decisão, com uma ação paralela, para garantir, pelo menos, a realização dos eventos já agendados.

Entre os shows já marcados no Parque de Exposições Laucídio Coelho estão a primeira etapa da CLC (Circuito de Laço Cumprido), programado para a primeira semana de fevereiro; Maria Cecília e Rodolfo, previsto para 26 de março; Fernando e Sorocaba, agendado para 19 de abril, além das atrações musicais da Expogrande, que ocorre entre os dias 14 e 24 de abril.

Entenda - O TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) suspendeu, na semana passada, sob pena de multa de R$ 100 mil, a realização de shows, eventos e rodeios no Parque de Exposições Laucídio Coelho.

A Acrissul alega que não tem recursos para bancar uma reforma acústica no Parque de Exposições Laucídio Coelho. Do outro lado, a promotoria garante que a associação não foi pega de surpresa e que vinha sendo advertida sobre a necessidade das adequações desde outubro de 2008.



Tenho certeza que o Governo do Estado vai encontrar uma solução para o problema, respeitando as leis ambientais. Campo Grande precisa mesmo de um novo espaço para shows. Sorte no propósito.
 
Gilberto Ramos em 31/01/2011 08:42:07
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions