A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

31/07/2016 15:57

Protesto anti-Dilma começa com cerca de 200 pessoas na Afonso Pena

Chloé Pinheiro e Mara Riveiros
Manifestantes anti-Dilma voltaram às ruas neste domingo na capital. (Foto: Alcides Neto)Manifestantes anti-Dilma voltaram às ruas neste domingo na capital. (Foto: Alcides Neto)

Ao menos 200 pessoas estão reunidas na região Central de Campo Grande para protestar pelo impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff (PT). Até o fechamento deste texto, os manifestantes estavam na altura do Obelisco da Avenida Afonso Pena.

No local, há um carro de som que chama a população para começar uma caminhada até o Ministério Público Federal. A ideia é fazer uma queima de fogos na frente da instituição, soltar balões de hélio com as cores do Brasil e cantar o hino nacional no encerramento, que deve ocorrer no final do dia.

A maioria dos manifestantes está trajando verde e amarelo e com cartazes de apoio ao juiz Sérgio Moro e Reaja Brasil. O protesto é conduzido por sete grupos: Pátria Livre, Democráticos, Movimento Brasil Livre, Chega de Impostos, Avança Brasil e Nas Ruas MS.

Entre as reivindicações, além da cassação do mandato de Dilma, estão a continuidade da Lava Jato, a prisão do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva e de "todos os políticos corruptos".




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions