A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

01/06/2011 10:21

Presa quadrilha que roubou 20 camionetes e caminhões em Campo Grande

Angela Kempfer e Paula Vitorino
(Foto: João Garrigó)(Foto: João Garrigó)

Caminhoneiros que faziam frete eram alvo principal de quadrilha presa em Campo Grande. Em 5 meses, pelo menos 20 veículos, entre caminhonetes e caminhões, foram roubados pelo grupo, sempre com ordens de dentro do Presídio de Segurança Máxima.

Já foram presos Odair José Duarte Pacheco (Gauchinho), de 33 anos, Ademir da Silva Souza (Mirim), de 31 anos, 32 anos, além de Katiuscia dos Santos, de 22 anos, que foi presa no dia 27 passado, pelo Garras, no bairro Santa Carmélia.

José Antão Sobrinho (Cara Quadrada), de 27 anos, Geraldo de Souza Pereira Neto (Japones)já cumprem pena na Máxima, de onde comandam as ações do grupo, segundo a Polícia.

Ainda estão foragidos Judinei Santos (Judi), 25 anos, e dois homens identificados como Fernando e Manoel.

Geraldo e José Antão estavam presos na Máxima e articulavam os roubos por telefones a Katiuscia. A mulher então contratava as pessoas para os assaltos.

Os caminhoneiros eram contratados para mudanças e quando chegavam para pegar a mercadoria eram roubados.

Os caminhoneiros ficavam entre 5 e 7 horas em cativeiro, até que a quadrilha passar pela fronteira com o Paraguai.

Quando foi presa, Katiuscia tinha lista com telefones de contatos de caminhoneiros para fretes. A Polícia chegou até ela e depois ao restante da quadrilha por conta dos inúmeros casos semelhantes, em que motoristas relatavam a contratação por uma mulher com as mesmas características e depois o roubo.

Todos já têm pasagem por roubo, mas garantem que não se conheciam.

A Polícia acredita que José Antão participou dos assaltos a dois coronéis da PM, um deles ao deputado Ivan de Almeida, em ambos os casos para roubar caminhonetes.

"As investigações levam a crer que o japones e o João Antão são membros do PCC", diz o delegado da Defurv (Delegacia de Furtos e Roubos) da Cláudio Martins.

O grupo será indiciado por formação de quadrilha e roubo qualificado.



Esses ai são os caras que a policia efetuou imobilização com tiros de taser (pistola de choque) e que todo mundo defendiam os coitadinhos..... mas 20 vitimas que ficam com cicatrizes imensas, bem maiores que as destes vagabundos.
 
Luis Fernando em 01/06/2011 12:54:59
LEVAM A CRER NÃO, ELES SÃO MEMBROS DO "PCC", ASSIM EXISTEM OUTRAS ORDENS QUE VEM DE DENTRO DO PRESÍDIO.
 
João da silva em 01/06/2011 12:17:11
Vamos ver por quanto tempo a JUSTIÇA vai segurar esses CRÁPULAS dentro do presídio. Destruidores de lares, acabam com a vida de pessoas honestas, que pagam seus impostos e suas prestações, pra uma corja de vagabundos lhe tirar, sem nenhum pudor ou arrependimento. LADRÕES SAFADOS vão trabalhar e ter vergonha na cara

 
LUIZ RODRIGUES em 01/06/2011 11:36:03
JESUS DISSE A ARVORE QUE NÃO DAR BONS FRUTOS MACHADO NELA
 
JOÃO SIMOES em 01/06/2011 04:38:14
DESCORDO DO SENHOR PEDRO BRAGA NÃO É POR FALTA DE OPORTUNIDADE NÃO ISSO AI É ÍNDOLE, CONHEÇO PAI DE FAMILIA QUE ESTA DESEMPREGADO A ANOS E NÃO ROUBA E NEM MATA CATA LATINHA, VENDE AGUA DE COCO CARPE TERRENO, MAS VIVE COM HONESTIDADE, QUEM PRESTA PRESTA.
A AGEPEM TEM UM SERVIÇO DE ENCAMINHAMENTO DE ENCARCERADO PARA O TRABALHO, INCLUSIVE DETENTOS PRESOS TRABALHAVA NAS RUAS, OS PRESOS SE ESCONDIA E SAIA DE FININHO E IA APRONTAR SO RETORNAVA A TARDE, ISSO AI QUE ESTOU RELATANDO PASSOU EM UMA EMISSORA DE TV LOCAL.
FORÇAS ARMADAS NÃO É PARA CUIDAR DE PRESOS E SIM DA SEGURANÇA DA NAÇÃO, O QUE É PRECISO É ACABAR COM ESSA HIPOCRISIA DE DIREITOS HUMANOS E MUDAR A LEGISLAÇÃO PENAL QUE ESTA, E ENDURECER PARA ESSES VAGABUNDOS, SE ATÉ O JUDICIÁRIO ESTA DE MÃOS ATADAS IMAGINA COMO NÃO ESTÁ O POBRE AGENTE PENITENCIARIO. QUANDO TEM ALGUEM QUE TRATA COMO ELES DEVEM SER TRATADOS VEM UM TAL DE CNJ DAR NOJO EM QUEM DEU UM TRATAMENTO DE A AQUELES VAGABUNDOS.
 
JOAO SIMOES em 01/06/2011 04:35:27
Enquanto o Governo não viabilizar meios de trabalho, para os presidiários brasileiros, junto com a justiça, não adianta semi aberto, semi aberto sem colocação de trabalho, não adianta, pois todos os empresários, ao admitirem um empregado, pedem a certidão de antecedentes criminais, e é lógico, que esse povo não conseguem, pois a ficha dos mesmos aparecem antecedentes, é onde não consegue reintegrarem ao mercado de trabalho, e voltam para o crime, o GOVERNO, terá que fazer convênios com os EMPRESÁRIOS, dar incentivos fiscais, para os que derem empregos ao um ex presidiários, redução de impostos, só assim não voltam mais para o mundo do crime os ex presidiários, caso contrário, a medida que não se consegue emprego, a família exige, e eles se desesperam e a única saída é voltarem ao crime, GOVERNADORES, não se recupera ninguém com cadeia, e sim com apoio, com a mão de DEUS, profissionalisando os mesmos, e dando oportunidades, o ESTADO, PREFEITURAS, tem muitos serviços, que poderão aproveitá-los, e só querer, e assim livraremos nossas famílias, e as famílias dos próprios governantes das mãos das pessoas excluidas, maioria dos presidiários, esperam oportunidade justas, entreviste os, pois verão a respostas, coitado dos servidores, próximos dos revoltados, façam isso GOVERNANTES, que será exemplo, fazer o bem a quem faz mal, tem a ajuda de DEUS.
 
PEDRO BRAGA em 01/06/2011 02:39:25
tem que fazer cadeia isolada do mundo para colocar esses vagabundos, de preferencia que o acesso seja só de barco ou avião, tem cortar visitas intimas, falar com advogado com separação de telas.
ai eu quero ver eles comandar roubo e trafico de dentro das celas.
todo o castigo para esses vagabundos e pouco.
 
joao simoes em 01/06/2011 01:24:54
Cadeia neles!!!!
 
sebastiana nunes em 01/06/2011 01:09:28
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions