A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 18 de Janeiro de 2019

31/07/2011 09:07

Rapaz baleado ontem morre e família ainda aguarda liberação do corpo

Vinícius Squinelo

Quase 20h depois, a família ainda não pode velar o rapaz

Em frente ao Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) de Campo Grande o técnico de refrigeração Ailton Viana Amorim, de 39 anos, aguarda a liberação do corpo do filho, Allysson Wulliam Pinheiro Amorim, de 16 anos.

“Ele morreu no início da noite de ontem, e até agora nada. Toda família está abalada e esperando, se demorar mais não vai dar tempo de velar meu filho”, reclamou o pai.

Allysson faleceu por volta das 17h45 de ontem, após ser baleado na madrugada de sábado, em mais um capítulo da histórica briga entre jovens moradores do Dom Antônio Barbosa e do Parque do Sol.

“Meu filho foi baleado, não tinham matado ninguém, e acabaram matando ele”, desabafa Ailton. O pai reclama que, se a demora para liberar o corpo persistir, familiares do interior de MS não vão conseguir comparecer ao velório de Allysson.

Um funcionário plantonista do Imol informou ao técnico de refrigeração que o corpo do filho deve ser liberado somente no fim da manhã deste domingo.

Ailton diz que não sabe detalhes do crime que aconteceu por volta das 4 horas, na rua Ancelmo Selingarde, no Dom Antônio Barbosa, apenas que é resultado da rivalidade entre os bairros.

Segundo Ailton, um amigo contou que os dois dos autores dos três disparos que atingiram a cabeça do adolescente estavam em uma motocicleta e outros dois em uma bicicleta.

Ailton fala ainda que por volta da 1 hora o filho saiu de casa com a bicicleta do irmão dizendo que “ia ali” e já voltava e que o garoto havia ingerido bebida alcoólica.

Rivalidade entre gangues deixa adolescente de 16 anos ferido a tiros
Pai soube do crime quando estava no trabalhoA rivalidade entre gangues de bairros vizinhos fez mais uma vítima na madrugada deste sábado, em Campo G...
Encontrado em decomposição, corpo de homem aguarda reconhecimento no Imol
O Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) de Campo Grande está há três dias tentando localizar algum familiar de Alberto de Souza Andrade, 6...


COM 16 ANOS SAIR DE CASA Á 1 DA MANHÃ E ESTAR EMBRIAGADO, NAO ERA PARA O PAI NAO PERMITIR MAIS A SAÍDA DESSE JOVEM DE CASA? E SER MORTO AS 04 HORAS. É PQ ESTAVA PROCURANDO!!!! INFELIZMENTE MAIS UM JOVEM TENDO A VIDA LEVADA CEDO!!!!!
 
rodrigo duarte em 31/07/2011 11:14:13
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions