A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

14/10/2016 16:09

Rapaz começa "vaquinha" online para pagar cirurgia de R$ 28 mil nos olhos

Amanda Bogo
Após sugestão do irmão, Murillo fez uma página para arrecadar online o dinheiro para custear a cirurgia (Foto: Reprodução)Após sugestão do irmão, Murillo fez uma página para arrecadar online o dinheiro para custear a cirurgia (Foto: Reprodução)

Após ser diagnosticado com estágio avançado de Ceratocone, doença que afeta o formato e a espessura da córnea, e sem previsão de quando conseguirá fazer o procedimento pelo SUS (Sistema Único de Saúde), Murillo Ribeiro Freitas, de 19 anos, começou na quinta-feira (13) uma arrecadação online para custear a cirurgia, que tem valor estimado de R$ 28 mil. Até agora, 0,86% do valor foi arrecadado.

Murillo é de Cassilândia, distante 418 km da Capital, e atualmente mora em Campo Grande. Em 2015, foi diagnosticado com ceratocone, doença que afeta a córnea e provoca percepção de imagens distorcidas. A evolução da enfermidade é progressiva com o aumento do astigmatismo, miopia e acentuada baixa de visão.

“Eu fui diagnosticado com 18 anos, mas percebi que tinha alguma coisa errada quando tinha 12 anos. Fui a médica e ela disse que tinha miopia, então comecei a usar óculo com grau bem forte. Depois de um ano percebi que não estava fazendo efeito nenhum o óculos e decidi parar de usar. Quando fiz 18, pedi para minha mãe para fazer outra consulta em Cassilândia, foi quando me disseram que tinha a doença”, explicou.

A doença foi descoberta em um estágio já avançado, e o procedimento cirúrgico precisa ser realizado com urgência para que ela não continue a progredir. Segundo o estudante, a córnea já está no limite necessário para realizar o procedimento, que é de 400 micras. 

“O primeiro atendimento marcado pelo SUS foi em outubro e fui até Rio Preto. Fiz a consulta, mas o médico não era especialista no assunto e disse que eu deveria solicitar novo encaminhamento. Foi uma consulta em vão, pois sai de lá sem ter nada concluído, mas com duas certezas, que iria demorar mais uns meses pra isso acontecer de novo e que eu não deveria ficar parado esperando o sistema único de saúde fazer seu trabalho. Foi quando decidi iniciar a vaquinha online”.

Após passar por uma consulta em um hospital especializado em Campo Grande, Murillo ficou sabendo que a cirurgia nos dois olhos custaria R$ 28 mil. Ao descobrir que o valor era maior do que poderia arcar, o rapaz aceitou a sugestou do irmão e criou a “vaquinha” online.

Em menos de 24 horas que começou a divulgar aos amigos e aos familiares, Murillo arrecadou R$ 240, apenas 0,86% do valor necessário. Outros R$ 170 em doações ainda estão pendentes. "Esta é uma solução bem interessante, pois todos podem doar sem sair de casa e compartilhar sem fazer muito esforço. Pode doar como quiser e o valor que quiser, com o cartão de crédito, boleto bancário ou até com depósitos", finalizou.

Quem puder e quiser contribuir com o apelo do estudante, pode acessar a vaquinha online clicando aqui.

Durante discussão, adolescente de 17 anos é esfaqueado pelo amigo
Um jovem de 17 anos foi levado em estado grave para a Santa Casa após ser esfaqueado na noite deste sábado, na frente da casa em que mora no Bairro G...
Após furtar obra, ladrão é capturado por moradores e ferido a tiros
Marcio Estacio Duarte Teixeira, de 31 anos, foi socorrido a Santa Casa de Campo Grande após ser atingido por dois tiros na madrugada deste domingo (1...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions