A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

19/04/2013 13:54

RDM faz acordo com a Prefeitura e prossegue de portas abertas

Aline dos Santos
RDM mantém funcionamento na sede, no Centro. RDM mantém funcionamento na sede, no Centro.

A empresa RDM Recuperação de Créditos Ltda não vai mais fechar as portas neste mês por falta de pagamento da Prefeitura de Campo Grande. Em 2013, nenhum valor foi pago pelo poder público, que, agora, se comprometeu a regularizar a situação.

De acordo com o proprietário da RDM, Gerson Araújo, o titular da Seplanfic (Secretaria de Planejamento, Finanças e Controle), Wanderley Ben Hur da Silva, garantiu pagamento de parte do valor.

No último dia 8 de março, em entrevista ao Campo Grande News, Araújo informou que protocolou ofício na Prefeitura para encerrar o serviço na próxima segunda-feira. Hoje, declarou que não fez notificação formal e que não pretendia paralisar a atividade.

O montante em atraso não foi informado. O valor global do contrato é de R$ 9 milhões.Desde 2001, a empresa recebe débitos do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) em atraso. Os valores pagos pelos contribuintes vão direto para o poder público, a quem cabe remunerar a RDM pela prestação do serviço. A terceirização da cobrança da dívida ativa é autorizada por lei municipal.

A RDM tem 85 funcionários e fica localizada na esquina das ruas Dom Aquino com Rui Barbosa, no Centro. Até março, a empresa atendia em outros dois pontos: Emha (Agência Municipal de Habitação) e na Central de Atendimento ao Cidadão William Maksoud.

Contudo, os locais foram fechados após questionamento do MPE (Ministério Público Eleitoral). A empresa não paga aluguel e não há previsão contratual para ter postos de atendimento nesses locais. A reabertura seria possível mediante aprovação da Prefeitura, mas o poder público não efetuou mudança no contrato.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions